Opinião

Revisitar Berlin ao sabor de um programa sobre eleições na Alemanha

Hoje, sexta-feira, é praticamente o último dia do interessante programa que desde domingo passado, integrados num “grupo palopiano”, andamos a cumprir na Alemanha, onde a convite das autoridades federais nos foi dada a possibilidade de perceber em poucos dias, o que não tem sido muito fácil, como é que está concebido e como é que funciona o seu sistema politico-eleitoral. Desde logo o facto de este convite ter coincidido com

Semba: Património cultural da humanidade

Somos a música que ouvimos. A música desempenha papel importante no processo de formação e constituição da identidade individual e colectiva; contribui para a constituição do imaginário social, cristalização da memória do passado e construção da memória do futuro. Na cultura bantu, a música acompanha as diversas fases da vida e da morte. Lambo destaca que o canto é companheiro inseparável do angolano, é o seu cajado de apoio na

Reflexões: A maka do vizinho, que nos parece alheia

Ainda bem que já lá vai o tempo em que os Homens entendiam como uma fatalidade ser-se servo e, como obra divina , nascer-se no seio das elites sociais. Hoje é dado assente e pacificamente aceite, que a faculdade de associação dos Homens em grupos de interesse, quer seja por razões sociais, culturais, económicas ou políticas, representa uma conquista da civilização moderna. Independentemente da nossa condição social, religiosa, género, financeira,

Mãos a obra… Com muita calma e com muito juízo

O “binómio” calma e juízo destaca-se de um conjunto de conselhos que Dom. Óscar Braga dirigiu a um dos aspirantes a presidência da república às próximas eleições. Na opinião daquele prelado, caso o referido candidato chegasse presidente, vencendo as eleições, precisaria de muito equilíbrio na sua forma de ser, estar e fazer. Na verdade sim… Para se passar a governar esse país depois de 23 de Agosto e para os

Embaixadas culturais sem cartas credenciais

As manifestações culturais de qualquer povo representam das maiores amostras a serem orgulhosamente divulgadas mundo a fora. Elas deixam transparecer a capacidade criativa dos seus cidadãos e trazem sempre subjacente um traço simbólico do contexto e da dinâmica de cada ciclo de vida das sociedades. A Kizomba, surgida dos bailes dos musseques e levada para a indústria do entretenimento com formidável espontaneidade, atravessou fronteiras e tem devotos em todos os

Carta do leitor:A campanha eleitoral

Amanhã começa mais um desafio entre os partidos políticos rumo à conquista do poder nas urnas no dia 23 de Agosto. Os seis concorrentes, nomeadamente cinco partidos e uma coligação, deverão apresentar aos angolanos os seus pontos de vista sobre a situação política, económica e social do país. Os tempos de antena na Rádio Nacional de Angola e na Televisão Pública serão preenchidos pelos programas destes para a governação nos

Huíla, a menina bonita

Alguma coisa ela tem, de certeza, para estar a ser tão cortejada. A Huíla é a província deste ano eleitoral. João Lourenço, candidato do MPLA a Presidente da República começou lá a caminhada que o levou a todas as províncias do país. Agora, Benedito Daniel, do PRS e Abel Chivukuvuku, o candidato da CASACE, abrem na Huíla as respectivas campanhas eleitorais. Há que assinalar este facto, é politicamente relevante. Pudera,

Editorial: Voto e fé

Partido no coração, risco no quadrado e fé em Deus. É isso o que nos propõem várias igrejas cristãs em Angola para o dia do voto, 23 de Agosto de 2017. O Estado angolano é laico, isso é sabido, mas os angolanos, sabe-se também, são esmagadoramente cristãos. São pessoas de fé. As igrejas devem meter-se na política? Não, mas devem cuidar dos seus fiéis. E estes podem ter actividade política,

Rumo à meta

Amanhã, 23 de Julho, começa a ser vivida a etapa final do vasto e longo processo das Eleições Gerais 2017. É o trecho derradeiro até à meta, o acto de votação trinta dias mais tarde, a 23 de Agosto. Soou o gong para o ‘tudo ou nada’ , as quatro decisivas semanas em que os cinco partidos e a única coligação inscritos se lançarão ao sprint tentando superiorizar-se aos demais.

Conversas sobre Turismo

Assim quase como quem não quer nada, a Academia BAI, um belíssimo espaço que sobressai na paisagem de Talatona pelo seu traço arquitectónico audaz e arejado, vai fazendo nome enquanto lugar de circulação de ideias, debate e nítida procura do conhecimento e da elevação. Há um bom tempo que se dedica a uma missão lamentavelmente de fronteiras magras no nosso ambiente citadino, que é a exercitação da palavra, sob a