Encontro Nacional Metodológico da CNE reúne membros dos órgãos central e locais com vista a capacitá-los para o processo de organização do pleito eleitoral agendado para Agosto próximo.

A Comissão Nacional Eleitoral (CNE) foi ontem considerada uma instituição cujo papel é primordial na estabilidade política e social, no fortalecimento e consolidação da democracia, razão pela qual aposta sempre na organização e execução de eleições transparentes e credíveis. O pronunciamento é do presidente da CNE, António da Silva Neto, quando ontem discursava na abertura do encontro nacional metodológico sobre as eleições gerais deste ano que visou apresentar as linhas de força sobre as tarefas a executar no quadro das suas competências de organizador do processo.

O encontro, com encerramento previsto para hoje, junta na capital do país comissários nacionais, presidentes das comissões provinciais e outros quadros da CNE, tendo abordado questões ligadas a organização eleitoral, estatística e tecnologia de informação, da formação, educação cívica e eleitoral e informação, e a da administração, finanças e logística.

Disse ser pretensão do encontro a abertura de novos horizontes que permitirão uma melhor interpretação e aplicação uniforme e linear do plano de actividades. Neste contexto, ressaltou a necessidade de manter uma postura dialogante e interactiva com os principais actores políticos e com aqueles que, directa ou indirectamente, prestam a sua colaboração na preparação e execução do processo eleitoral em curso.

Mais informação encontre no jornal impresso já nas bancas!

Comentários

comentários