Lucapa Diamong Mining descobre oitavo diamante de grandes dimensões

O diamante foi encontrado na província da Lunda-Norte pela empresa australiana Diamong Mining

A empresa Lucapa Diamong Mining descobriu o oitavo diamante com mais de 100 quilates (20 gramas) na concessão do Lulo, província da Lunda-Norte, de “valor excepcional”, informou a mineira australiana em comunicado divulgado Segunda-feira. O diamante de 129,58 quilates foi extraído de um dos três aluviões do rio Cacuilo, informou a empresa que que funciona como operador da Sociedade Mineira do Lulo com 40%, onde tem como parceiros a estatal Empresa Nacional de Prospecção, Exploração, Lapidação & Comercialização de Diamantes de Angola (Endiama), com 32% e a empresa privada angolana Rosas & Pétalas com 28%.

Este anúncio, feito em simultâneo com a descoberta de outro diamante de largas dimensões, 78,61 quilates, num outro aluvião do Lulo, surge na semana em que o maior diamante encontrado em Angola, no mesmo campo mineiro, vai ser leiloado. O diamante foi comprado em 2016 pela joalharia suíça De Grisogono, tendo sido transformado numa joia de 163,41 quilates que foi leiloada Terça-feira (ontem).

O diamante, o 27.º maior em todo o mundo, tinha originalmente 404,2 quilates e sete centímetros de comprimento quando foi encontrado, em Fevereiro de 2016, pela empresa mineira australiana no campo do Lulo.