“Reforma do Estado – um imperativo para um serviço de excelência ao cidadão”

O vice-presidente da República, Bornito de Sousa, considerou ontem, em Luanda, a reforma do Estado como um imperativo para um serviço de excelência ao cidadão, sendo “tão urgente quanto necessária” para uma administração pública moderna, eficiente e participada e uma melhor coordenação entre a administração central e a local

Ao discursar na abertura do V Fórum dos municípios e cidades que encerra hoje, sob o lema: “Reformar o Estado para melhor servir o cidadão”, Bornito de Sousa afirmou que a escolha deste lema não podia ser mais acertada. É que, segundo o governante, a reforma do Estado será um dos principais domínios da acção do Executivo na presente legislatura. “Para que o cidadão seja mais ouvido, melhor servido, participe na governação e para que a boa governação seja entre nós mais do que um chavão e se assuma como a bússola orientadora da nossa acção quotidiana”, sublinhou. Lembrou, neste sentido, que o Programa de Governo do MPLA para o quinquénio 2017/2022 propõe, entre outros, a materialização dos objectivos nacionais e medidas de politica que incluem a concretização da reforma e modernização do Estado, a reformulação do modelo de organização local do Estado, usando como critério de definição a criação dos serviços face às necessidades e potencialidades locais.

 

A notícia, por completo, você lê na edição impressa já nas bancas!