Impunidade com dias contados

O Presidente da República orientou o novo Inspector-geral da República e inspectoras-gerais adjuntas a implementarem medidas que permitam, rapidamente acabar com a impunidade, que reconheceu existir nalguns gestores públicos 

Por: Rila Berta

João Lourenço que discursava na cerimónia de posse de Sebastião Domingos Gunza no cargo de inspector-geral da Administração do Estado, afirmou que no âmbito da necessidade da moralização da sociedade é preciso levar a cabo um combate sério contra “certas práticas” levadas a cabo quer por gestores, quer por funcionários públicos. Práticas estas, referiu, que lesam o interesse público, do Estado e dos cidadãos que recorrem aos serviços públicos.

 

Notícia em actualização