Marcel Desailly com boas perspectivas para Nigéria

antigo futebolista internacional médio trinco da selecção de França, Marcel Desailly, apontou a Nigéria como uma das equipas que poderá fazer alguma surpresa no Campeonato do Mundo da Rússia 2018, sob égide da Federação Internacional de Futebol (FIFA).

 

Contudo, o antigo jogador do Chelsea FC e do Milano AC declarou-se triste pela ausência da equipa rival da Nigéria, o Gana, no próximo Mundial. Dessailly, nascido em Accra, no Gana decidiu jogar para a França durante a sua carreira de futebolista e conheceu vários êxitos com esta equipa europeia.

O médio e defensor reformado fazia parte da equipa de França vencedora do Mundial da FIFA em 1998, do campeonato europeia da UEFA (União das Federações Europeias de Futebol) em 2000 e o Mundial das Confederações da FIFA, por duas vezes, 2001 e 2003.

“O meu país natal, o Gana, não qualificou-se para a fase final”, lamentou Dessailly citado pelo órgão de imprensa da FIFA, evocando a sua lesão. No entanto, o antigo futebolista de 49 anos de idade formulou votos de que as outras equipas africanas façam surpresas, nomeadamente a Nigéria, que a seu ver, tem uma equipa sólida, e os países árabes, como a Tunísia e o Egipto.“Talvés o momento tenha vindo para uma equipa africana atingir finalmente as meias-finais”, desejou.