Angola tenta evitar última posição do grupo A

Depois de quatro derrotas consecutivas, as pérolas africanas tentam esta tarde a primeira vitória frente ao Paraguay para não terminar na última posição da sua série.

POR: Madona Lourenço

A Selecção Nacional sénior feminina de andebol defronta hoje o Paraguay, às 14:00, em partida a contar para a quinta é última jornada do grupo A do Campeonato do Mundo, a decorrer na cidade de Trier, na Alemanha. Depois de quatro derrotas consecutivas, as pérolas africanas vão procurar entrar na máxima força para conquistar a primeira vitória no certame.

Para isso, o seleccionador nacional, Morten Soubak, deverá apostar no sistema táctico utilizado na partida de ontem, ou seja, o contra-ataque rápido, principal arma da turma angolana. Aliás, apesar de não ter resultado em vitória, mas ficou patente que a jogar no contra-ataque é possível discutir os dois pontos com qualquer selecção.

Ainda assim, as pupilas do técnico nacional sabem que uma possível vitória esta tarde leva a Angola habilita a jogar as classificativas do 17.º lugar. Ontem, as campeãs africanas entraram na quadra com uma atitude diferente das três primeiras partidas, tendo terminado a primeira parte num empate a 14-14.

No reatamento, Magda, Belinha e companheiras apostaram no ataque, mas a adversária conseguia fazer a defesa à zona. Por este facto, a Selecção Nacional não conseguiu evitar a derrota por 27-24. A atleta angolana, Isabel Guialo “Belinha” foi eleita melhor jogadora do jogo, quer dizer, MVP.