loader

Análise Diária: Crescimento económico deverá atingir 1,9% este ano

As estimativas de crescimento da ONU são menos optimistas face ao OGE 2018.

POR: Atlantico

Espaço Angola

O crescimento económico deverá recuperar-se da recessão de 0,7% apurada em 2016 e atingir 1,9% ao longo do corrente ano, segundo o recente relatório da Organização das Nações Unidas. O índice de produção industrial referente ao primeiro trimestre de 2017 registou redução de 9,9% face ao período homólogo de 2016 e 0,6% em relação ao trimestre anterior.

Espaço Internacional

China: A oferta de moeda medida pelo agregado monetário M2 aumentou 0,3 p.p., para 9,1% em Novembro em comparação ao mesmo período de 2016. Japão: O agregado monetário M2 referente ao mês de Novembro registou variação de 4% face ao período homólogo, uma ligeira redução em relação aos 4,1% apurados no mês de Outubro.

Visão Atlantico

Organização das Nações Unidas estima que a economia angolana deverá recuperar-se da recessão de 0,7% apurada em 2016 e atingir 1,9% ao longo do ano corrente.

Destaque-se que a perspectiva da ONU para 2018 é menos optimista quando comparada com a taxa de crescimento económico prevista no Orçamento Geral de Estado para 2018, de 4,9%, sendo que a organização antecipa um crescimento de 2,7%. Relativamente à taxa de inflação, o mesmo relatório demonstra que atingirá 28% no final de 2017 e 19,4% no ano seguinte.

A oferta de moeda medida pelo agregado monetário M2 registou variação de 9,1% em Novembro face ao período homólogo, após atingir 8,8% no mês de Outubro. As estimativas iniciais apontavam para uma expansão de 8,9%. No período em análise, os bancos chineses cediam cerca de USD 169,3 mil milhões em novos empréstimos, um aumento de aproximadamente 69% face ao mês de Outubro de 2017.

 

Últimas Notícias