loader

Autocarro entra em passagem subterrânea em Moscovo e mata 4 pessoas

Em Moscovo, ontem, na Estrada Mozhaiskoe, zona Oeste da capital da Rússia, após atropelar uma multidão, um autocarro entrou numa passagem subterrânea, comunicou à Sputnik uma fonte dos serviços de emergência da cidade.

Cinco pessoas morreram e 15 ficaram feridas. Nove pessoas ficaram internadas. “O autocarro entrou numa passagem subterrânea para a estação de metro Slavyansky Bulvar”, disse a fonte à agência de notícias. Detalhes do acidente estava, já ontem sob investigação. Há duas versões principais que poderiam explicar o acidente – o autocarro foi fechado por um carro, sendo obrigado a mudar de trajecto, ou seus travões não funcionaram, disse à Sputnik uma fonte dos serviços de emergência.

Autoridades descartam de de ataque terrorista Dois helicópteros do Centro de Aviação de Moscovo saíram ao local; um já está sobrevoar a zona Oeste da cidade, mais precisamente onde aconteceu a tragédia. Entretanto, postos no local, agentes da Polícia detiveram o motorista do autocarro. “O motorista foi detido e levado à delegacia para ser interrogado”, de acordo com a Polícia de Moscovo.

Mais tarde, o motorista comunicou que tentou travar o veículo, mas não conseguiu por causa de problemas técnicos, de acordo com a assessoria de imprensa do Comité Investigativo. O motorista trabalha na companhia Mostransavto desde 2000 e tem cidadania russa. Não foi detectada irregularidade alguma no estado do motorista do autocarro antes da viagem.

O presidente da câmara moscovita, Sergei Sobyanin, que se fez ao local do acidente, ordenou revisão de todos os autocarros. Segundo comunicou o Ministério para Situações de Emergência, os trabalhos de resgate foram concluídos horas depois do acidente.

Últimas Notícias