loader

Zoran Maki preparado para exigências de 2018

Na abertura das oficinas, nesta Quarta-feira, no RI 20, em Luanda, o novo técnico do 1º de Agosto motrou-se optimista quanto à próxima época.

POR: Sebastião Félix

Com objectivos bem definidos para a época 2018, o técnico do 1º de Agosto, Zoran Maki, disse que está preparado para as exigências do Girabola Zap, bem como as demais competições no estrangeiro. Ontem, no primeiro dia de trabalho, o novo treinador do clube militar adiantou que o grupo trabalha para revalidar as competições domésticas, ou seja, a o Girabola Zap e a Taça de Angola. Por outro lado, Zoran Maki quer também estar na fase de grupos da Liga dos Campeões Africanos, por isso começou mais cedo os trabalhos.

O técnico assegurou à imprensa que conta com o apoio da direcção do clube fundado em 1977, que aliás não chega à Liga Africa-na de Clubes há mais de oito anos. O substituto de Dragan Jovic fez saber também que a Supertaça está nos seus planos, porque é uma competição que abre a temporada em Fevereiro de 2018. Assim, o sérvio tem a obrigação de fazer algumas alterações no plantel, porque as exigências serão maiores. Por este facto, o clube militar contratou um defesa central nigeriano para os desafios do ano 2018, Kehind Yisa. Segundo fontes do clube militar, Yisa tem os créditos firmados na sua posição, uma vez que tem o rótulo de campeão nas formações por onde passou.

O defesa central jogou no Alitihat de Omã. Maky contratou também o atacante congolês Jacques Bitumbe, que antes vestiu a camisola do Kabuscorp do Palanca e o burundês Fiston Abdul Razak do Mamelodi Sundowns da África do Sul). Hoje, o técnico vai anunciar os atletas dispensados, uma vez que o plantel para 2018 será fechado no dia 29 de Janeiro. O 1º de Agosto é o campeão do Girabola Zap 2017, pelo que disputou jornada a jornada com o Petro de Luanda, seu arqui- rival de longa data.

Tricolores iniciam trabalhos de campo

O Petro de Luanda começou ontem os trabalhos de campo, visando a época 2018. Por este facto, os tricolores estão inscritos em quatro frentes, ou seja, Supertaça, Girabola, Taça de Angola e Afrotaças. Depois dos habituais exames médicos, na semana passada, o vice- campeão do Girabola Zap, ainda incompleto, iniciou os trabalhos de campo, porém mais reforços serão apresentados, segundo uma fonte da direcção. O técnico Beto Bianchi, por estar num clube com estatuto de campeão, tem a obrigação de chamar a si o título de campeão nacional no próximo ano, de acordo com os planos da direcção.

Últimas Notícias