Editorial: João Lourenço responde

João Lourenço inaugura hoje um novo capítulo na presidência do país. Ao fim dos seus primeiros cem dias de mandato presidencial dá uma conferência de imprensa para falar, olhos nos olhos, aos angolanos, sobre o que tem sido a governação e que medidas poderão vir a ser tomadas nos próximos tempos.

E é um acto de coragem, se pensarmos que há bem pouco tempo o Chefe de Estado apresentou ao país o estado da Nação. O que tem ele de novo a dizer? Veremos. Mas este exercício tem tudo para dar certo, o Presidente poderá falar sobre alguns dossiers quentes que tem sobre a mesa, sobre os nós que complicam a governação, sobre o desempenho da sua equipa, sobre os negócios do Estado e sobre a necessidade que tem de ver renovada a simpatia do povo e as expectativas.

Além disso, esta nova postura e o desempenho de João Lourenço na conferência de imprensa podem ser capitalizados para credibilizar o país e o Governo na busca de investimento estrangeiro. Além dos temas quentes, João Lourenço deverá também passar uma imagem de estabilidade das instituições, para inspirar confiança.