loader

Instituto Agrário do Cuanza-Norte com mais de mil vagas

O Instituto Médio Agrário (IMA) da província do Cuanza-Norte tem disponíveis, para o presente ano lectivo, mais de mil vagas para novos alunos interessados em frequentar os cursos de Recurso Florestal, Produção Vegetal e Animal. A informação foi avançada ontem, na cidade de Ndalatando, pela directora do IMA do Cuanza-Norte, Luciana Garcia, tendo referido que as vagas são para os alunos em regime de internato e estudantes externos. Disse que os cursos ministrados no IMA oferecem oportunidades para os estudantes elevarem os seus conhecimentos científicos nas áreas da agronomia e produção animal. Esses cursos, sublinhou, ajudam a garantir a auto-suficiência alimentar do país e a responder aos desafios da diversificação da economia nacional. Luciana Garcia considerou positivo o grau de aproveitamento académico em 2017, no qual 80 por cento dos alunos aprovaram. No ano lectivo de 2017, o IMA do Cuanza-Norte matriculou 520 estudantes e as aulas foram assegurada por 46 professores, seis dos quais de nacionalidade cubana. O instituto possui 17 salas de aulas, cinco laboratórios, sala de informática, oficinas de mecanização agrícola, biblioteca, enfermaria, área administrativa, quadras desportivas, entre outros compartimentos. A instituição conta ainda com um internato, com capacidade para acolher mais de 200 alunos, anfiteatro e área residencial, com 27 casas para os gestores e professores da instituição.

Últimas Notícias