loader

Pintura angolana exibida em Addis-Abeba

Um quadro de pintura do artista plástico angolano Fanck Lundangi inclui a exposição “Luzes de África”, patente no antigo Centro de Conferências da União Africana (UA), em Addis- Abeba, Etiópia, e pode ser apreciado ao longo dos corredores dos dois andares do edifício, até finais de Fevereiro deste ano. Para o quadro intitulado “Direito de acesso à energia equitativa”, Fanck Lundangi fez recurso a pigmentos acrílicos, colagem e guache em papel artesanal, figurando entre 55 obras de artistas africanos, apresentadas em pintura, escultura e fotografia.

O artista, que se inspirou na dificuldade de acesso à energia em África, defende que não há educação, saúde, agricultura e intercâmbio com o resto do mundo sem energia. A amostra, inaugurada no dia 11 de Janeiro, é organizada pela Comissão da UA, em colaboração com a Fundação de Artistas Africanos para o Desenvolvimento e apoio da Tidler e da Fundação Schneider Electric.

Segundo os organizadores, na exposição “Luzes de África”, os criadores apresentam as suas visões, e, por extensão, as esperanças, sonhos e receios em relação ao futuro do continente berço da humanidade. A amostra faz um enfoque na diversidade do continente e em temas universais como a educação, meio ambiente, desenvolvimento e a paz em África.

Últimas Notícias