loader

Estudante Moisés Mpova lança livro “A fonte da inspiração” em Abril no Brasil

O estudante angolano no Brasil, Moisés Mpova, lança a sua primeira obra poética “A fonte da inspiração”, em Abril, na Federação Catarinense de Cultura (FCC), Estado de Santa Catarina

Por: Antónia Gonçalo

O livro, que será apresentado pela Escritora brasileira Vera Portella e prefaciado pelo Engenheiro Mecatrônico Robespierre Moniz, possui 75 poemas e contos poéticos, onde o autor procura apresentar aspectos sociais do continente africano, como a alegria e a diversidade linguística.

Com esta obra que será lançada em Angola no segundo semestre, Ricardo Mpova pretende promover o respeito e incitar a preservação das línguas nacionais a nível do continente.

Segundo o autor, a questão da diversidade linguística no continente africano deve ser preservada, pelo facto de ser um rico património para as gerações vindouras.

“Quando uma língua morre, uma parte da cultura também se vai, isso porque encontramos nelas a nossa identidade cultural”, realçou.

Moisés Mpova começou a escrever o livro em 2009, ano em que ingressou no Instituto Nacional de Petróleos (INP), onde fez a formação técnica em regime de internato. Actualmente no Brasil, frequenta a Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), no curso de Engenharia Mecânica.

O estudante referiu que o facto de ser estudante de Engenharia Mecânica, no Brasil, ajudou-lhe a lapidar os presentes poemas, escritos em 2009, e a confirmar os seus sonhos.

“Espero que esta obra inspire as pessoas que em algum momento da vida desistiram dos seus objectivos, e que permitam que a obra viaje no seu interior”, desejou.

Por outro lado, considerou o INP como o lugar que o inspirou na elaboração dos poemas, pelo facto de estudar em regime de internato e ficar distante da família. Projectos Moisés Mpova pretende lançar vários livros, como “Sofrer para Crescer”, “O vencedor” e “A trajetória de um engenheiro”.

A sua principal meta no mundo da literatura é contribuir para a humanização das pessoas por

 

meio da arte, assim como incentivar, educar e inspirar os cidadãos que queiram apostar no mundo artístico, de modo a engrandecer a cultura angolana.

Moisés Mpova pretende ainda alcançar o público para lá da lusofonia, bem como ver as futuras obras traduzidas em línguas nacionais. Realçou que o tema do livro “O vencedor” surgiu na esteira das dificuldades enfrentadas no Brasil, referentes à falta de divisas.

“Esta obra lembra-me que todo sofrimento, quando bem lapidado faz-nos crescer. Não devemos deixar que as dificuldades extingam os nossos sonhos”, recordou.

O artista

Moisés Ricardo Mpova nasceu em Luanda. Fez o ensino primário na escola 7024, no Cazenga, e concluiu a formação técnica média no Instituto Nacional de Petróleos (INP), na província de Cuanza Sul. Em 2014, partiu para o Brasil para dar continuidade ao sonho de estudar Engenharia Mecânica.

O autor carrega, desde o ensino médio, o tema da sua monografia: “O tratamento hidráulico de água recuperada a partir do ar condicionado com uso determinado para a cidade de Luanda”, com o qual pretende analisar técnicas, desenvolver soluções e escolher as melhores opções para a execução do referido processo.

Em 2016, participou no Festival Internacional Seis Continentes, na cidade de Florianópolis. É membro do Movimento Literário Lev’Arte em Angola e no Brasil.

Últimas Notícias