loader

Comité Central da FNLA prepara reunião de reconciliação interna

O Comité Central da FNLA prepara uma reunião destinada a juntar todos os seus militantes e rever a possibilidade de uma reconciliação no partido, cuja agenda reserva ainda a preparação do Congresso Ordinário previsto para 2019.

Por: Neusa Filipe

A informação foi avançada a OPAÍS pela presidente da AMA (Organização feminina da FNLA), Suzana dos Santos, tendo afirmado que o referido encontro do Comité Central terá lugar a 8 de Fevereiro deste ano, no complexo 15 de Março, em Viana. A fonte revelou que a convocatória já foi feita pelo actual líder do partido, Lucas Ngonda, que convidou todos os membros sem excepção ou divisão de alas. Informou que no referido encontro serão feitos os pronunciamentos sobre o Congresso Ordinário que o partido pretende realizar em 2019.

“Queremos encontrar uma forma de nos reunirmos todos, sem excepção, no sentido de chegarmos a um consenso. O apelo que foi feito pelo presidente Lucas Ngonda é abrangente, sem exclusão, todo dirigente, militante ou simpatizante do partido, está convocado para essa reunião do dia 08, aqueles que acham que devemos ir em busca deles nas suas casas é que estão a fazer-se de difíceis”, declarou.

Suzana dos Santos avançou que, tanto os alinhados a Ngola Kabango como a Lucas Ngonda já começaram a aderir ao apelo, com intenção de participar na reunião em causa. A responsável, que considerou Ngola Kabango como um dos elementos chave daquele histórico partido político, referiu que pretendem ultrapassar os atritos ainda existentes entre os membros e tentar unificá-los.

A responsável constou que a AMA tem em agenda, para o presente ano, a realização de um Congresso, apesar de não ter precisado a data papara a sua concretização. Por seu turno, o secretário nacional para a ciência e tecnologia da FNLA, João Bengue Vindo, acrescentou que a reunião do Comité Central visa, por outro lado, balancear o fracasso do partido nas eleições gerais de 23 de Agosto e ainda analisar a própria estrutura do partido e traçar estratégias para o próximo quinquénio.

Revelou que o Comité Central vai também debruçar-se na preparação de um congresso extraordinário do partido, cuja realização está prevista para Abril do corrente ano. Concernente ao Congresso Ordinário agendado para o próximo ano, João Vindo declarou que as pessoas interessadas em candidatar- se à liderança do partido terão a oportunidade de fazê-lo.

“Todo o membro da FNLA que não tenha problemas disciplinares estará livre nessa altura para apresentar a sua candidatura para o cadeirão máximo do partido”, referiu

Últimas Notícias