loader

BFA lidera transacções na BODIVA com Kz 67,6 mil milhões

Desde o mês de Janeiro, até à tarde de ontem, a Bolsa de Dívidas e Valores de Angola realizou 124 negócios avaliados em Kz 69 mil milhões. O BFA, Standard Bank Angola, BAI e BNI são os bancos que mais negócios efectuaram.

POR: Hélder Caculo

O Banco de Fomento Angola, um dos cinco maiores do país, lidera as transacções na Bolsa de Dívida e Valores de Angola desde o início do presente ano económico, com 62 negócios efectuados, avaliados em Kz 67,6 mil milhões. O Standard Bank Angola com Kz 21,6 mil milhões e 19 negócios, está em segundo lugar na bolsa, seguindo-se o BAI, com Kz 7,9 mil milhões e 14 negócios, BNI com 7 mil milhões e 18 negócios. O BFA que fechou o ano 2017 com um resultado líquido avaliado em USD 416,4 milhões (cresceu 12,1%), liderou as transacções (de 2017) com 147 mil milhões e 163 negócios efectuados.

Fonte do OPAÍS informou, que no Mercado Secundário de Dívida Pública, o número de negócios ascendeu para 124, avaliados em mais de Kz 59 mil milhões, sendo Kz 44, 8 mil milhões no ambiente lateral e Kz 14,8 mil milhões em ambiente bilateral (sendo o BFA o intermediário financeiro que mais negócio realizou). “Há vários benefícios do investimento feito em títulos do tesouro tanto pelas empresas como pelas famílias, como por exemplo, o baixo risco de investimento, protecção cambial e outras soluções financeiras”, frisou. A fonte sublinhou que com o actual contexto macro-económico não basta haver transacções na bolsa”, é necessário que as poupanças arrecadadas sejam posteriormente canalizadas para financiar o sector produtivo, empresas e políticas públicas”.

O mercado de títulos …

O Mercado de Bolsa de Títulos do Tesouro (MBTT) é o primeiro segmento a ser disponibilizado pela BODIVA. Destina-se à negociação de títulos do Tesouro emitidos pelo Estado através do método de negociação por oferta, mediante a interacção permanente das ordens de compra e venda de todos os investidores. O MBTT pode converter-se num dos principais instrumentos de política monetária à disposição do Banco Nacional de Angola (BNA). É ainda considerado um instrumento de financiamento capaz de ampliar o leque de oportunidades para todos os agentes da economia angolana.

Últimas Notícias