loader

MPLA deve impulsionar desenvolvimento do país

O Presidente do MPLA, José Eduardo dos Santos, reafirmou nesta Quarta-feira, em Luanda, o compromisso do partido com o desenvolvimento do país e a melhoria das condições de vida dos cidadãos

José Eduardo dos Santos discursava na primeira reunião do Secretariado do Bureau Político do MPLA com dirigentes dos comités provinciais. Disse que o MPLA é um partido forte, unido, organizado e se baseia nos princípios e valores do socialismo democrático, pela justiça social, humanismo, liberdade, igualdade e a solidariedade.

Considera que se trata de um partido de quadros e de massas, cujo objectivo é de contribuir para o desenvolvimento do país e o bem-estar dos cidadãos. Pede aos dirigentes e militantes para dominarem os princípios e valores partidários (…), em prol de uma democracia moderna e dinâmica.

Aconselha os militantes a promoverem o empreendedorismo, participando na criação de micro, pequenas e médias empresas privadas agrícolas, industriais e comercias com vista a garantir o crescimento da economia e garantir emprego. José Eduardo dos Santos sublinhou que o partido deve apoiar o esforço nacional, aplicando a igualdade de oportunidades.

Defende a reactivação dos grupos de estudo, com vista a capacitar quadros e dirigentes partidários, e considera essencial a melhoria e modernização das técnicas de comunicação e informação partidárias. Recomenda a eleição dos quadros por mérito próprio e propôs a realização de estudos para a revitalização e adequação do funcionamento dos comités de acção, como estruturas fundamentais do partido.

Pede ainda a harmonização da responsabilidade de dirigentes partidários com actividade governativa, até ao nível municipal. A reunião teve como objectivo traçar perspectivas de trabalho, com vista à consolidação do papel dirigente do MPLA como o protagonista da acção política, organizativa e social do país, e abordar matérias relacionadas com a vida interna do partido.

A análise minuciosa dos resultados eleitorais de 2017 esteve também em debate na reunião que contou com a presença do vice-presidente do MPLA, João Lourenço, e do secretário-geral, António Paulo Kassoma.

O secretário para a Informação do MPLA, Norberto Garcia, afirmou que está em vista a avaliação do desempenho dos dirigentes em vários níveis. Norberto Garcia salientou que o MPLA vai continuar a manter as máximas, segundo as quais “o mais importante é resolver o problema do povo” e “melhorar o que está bem e corrigir o que está mal”.

Últimas Notícias