loader

Kabuscorp e Libolo agitam adeptos em

O desafio entre a formação da Rua F e os libolenses referente ao prosseguimento da quarta jornada do Girabola Zap, amanhã, às 16:00, no Estádio dos Coqueiros, alimenta o sonho das duas claques, e, pelo histórico dos resultados, um empate será um mal menor.

POR: Sebastião Félix

O derby entre o Kabuscorp do Palanca e o Recreativo do Libolo do Cuanza Sul, um jogo entre rivais, é disputado amanhã, no Estádio dos Coqueiros, em Luanda, às 17:00. As duas formações, uma na terceira posição e a outra na quarta com os mesmos pontos, seis, dão prosseguimento à quarta ronda do Girabola Zap. Por ser um embate que envolve história, a luta pelos três pontos será mais interessante quando rolar a bola. Assim, é uma discussão directa, pois, quem perder será relegado a um posto abaixo na tabela classificativa. É ponto assente que a formação de Luanda tem tido muitas dificuldades para se impor frente ao adversário da vila de Calulo.

No ano passado, empataram a duas bolas na primeira volta, enquanto no jogo de resposta registou- se um nulo. Neste Sábado, nos Coqueiros, os pupilos de Sérgio Traguil querem quebrar a tradição que já leva alguns anos. Por isso, ao longo da semana, ensaiaram todo o tipo de jogadas ofensivas para surpreender o emblema de Calulo. Por sua vez, Kito Ribeiro está em Luanda para fazer um resultado positivo, aliás o grupo está motivado. Na ronda anterior, os libolenses venceram a Académica do Lobito (Benguela) por uma bola sem resposta. Apesar de o Campeonato Nacional estar no início, a esperança das duas equipas depende muito do que vão produzir na primeira volta da prova. Pelo estatuto que ostentam, o Kabuscorp e o Libolo são candidatos ao título, tendo por isso a obrigação de mostrar aos adeptos que no ano passado foi somente o adiar de um sonho.

Interclube obrigado a vencer fora de casa

Para se distanciar do Petro de Luanda e manter-se na liderança do Campeonato Nacional, com dez pontos, o Interclube é obrigado a vencer no Domingo o Cuando Cubango FC, na cidade de Menongue. Por este facto, o técnico dos polícias, Paulo Torres, adiantou que não será um jogo fácil, mas estão motivados e confiantes. “Vamos fazer o nosso jogo, porque sabemos que o adversário também quer os três pontos”, admitiu o técnico.

Últimas Notícias