loader

Carta do leitor: As pedonais

Desejo um óptimo dia aos profissionais desta casa e espero que estejam todos de saúde. Escrevo-lhes algumas linhas para manifestar o meu desagrado em relação ao timing que os políticos ou governantes definem para eles mesmos e que acham serem importantes para os cidadãos que dizem governar, conduzir e esperam, se calhar, que venham a ter uma vida saudável.

POR:Conceição Diogo Martins

Há algum tempo que notei que a passagem superior, construída entre o Centro de Produção da TPA, em Camama, a Universidade Kalandula, e duas unidades bancárias, se encontra concluída. Apesar disso, nota-se que se encontra resguardada com chapas de zinco, o que pressupõe que esteja à espera de uma época especial para ser inaugurada. Recentemente, aquela área, que beneficiou de melhorias na estrada, recebeu uma invejável moldura humana com a vinda do líder da Igreja Mundial. Neste dia, por exemplo, foi possível divisar algumas pessoas a saltarem os separadores para poderem atravessar a estrada, correndo perigo de serem atropelados mortalmente ou sofrerem outras lesões que lhes impossibilitem de um dia voltarem a andar e trabalhar. Com o início das aulas, nos últimos dias são centenas de estudantes da universidade acima mencionada que têm utilizado o referido expediente acrobático para atravessarem a estrada, quando a poucos metros existe uma ponte pelos vistos já concluída. É preciso que o Governo Provincial de Luanda ou o Ministério da Construção, que acreditamos ser o dono da obra, procedam à inauguração da referida ponte. Deixem de lado a vaidade ou as pomposas cerimónias, porque o mais importante neste momento é dar segurança às pessoas e torná-las mais felizes. Para tal, ninguém precisa de ser atropelado ou veja a sua vida interrompida depois de ter, junto dos seus familiares traçados vários projectos para o futuro.

Últimas Notícias