loader

Libolo e 1º de Agosto centralizam atenções

O bicampeão nacional procura hoje, às 15:00, repetir a proeza dos últimos dois anos, em que empatou, 2-2 e 0-0, em Calulo, mas os libolenses querem inverter o histórico

Texto de: Mário Silva

na Vila de Calulo, província do Cuanza-Sul, o Recreativo do Libolo local recebe hoje o 1º de Agosto no Estádio Municipal, em partida de prosseguimento da oitava jornada do Girabola Zap, Campeonato Nacional. Depois de dois empates consecutivos nas últimas duas temporadas (2-2 e 0-0), os libolenses vão procurar entrar em campo para inverter o histórico.

Ainda assim, os pupilos do técnico Kito Ribeiro terão que esquecer o desaire, por 2-0, frente ao Recreativo da Caála. Mesmo com os problemas financeiros que o clube está a viver, a equipa, quatro vezes campeã nacional, é obrigada a puxar dos galões para conseguir vencer o bicampeão.

Deste modo, o médio Sidney e companheiros sabem que têm que redobrar os esforços para não serem surpreendidos perante adeptos e massa associativa.

Por sua vez, os campeões nacionais tudo farão para repetir a proeza, empate, dos últimos anos, quiçá tentar sair de Calulo com os três pontos na bagagem. Aliás, a equipa central das Forças Armadas Angolanas parte para desafio na máxima força para “agudizar” a crise de resultados do adversário, que vem de dois resultados negativo. Na jornada anterior, os comandados de Zoran Maki venceram, por 3-1, o Kabuscorp do Palanca.

Voz dos técnicos

O treinador-adjunto dos libolenses, Dione Pedro, garantiu que equipa preparou com muita cautela o desafio desta tarde. “Nós trabalhámos para contrapor a estratégia do adversário, 1º de Agosto, por isso, estamos motivados para conquistar mais três pontos”, disse o técnico.

Por outro lado, o defesa central da turma do RI-20, Dany Massunguna, reconheceu que o jogo será bastante difícil, porque o jogo vai ser em casa deles. “Ainda assim, o grupo acredita na conquista dos três pontos”, perspectivou o jogador

Últimas Notícias