loader

Falem de novo

É mesmo, o Estado tem muito que explicar em alguns aspectos. Não apenas explicar- se, mas explicar mesmo.

POR: José Kaliengue

A administração precisa de melhorar a comunicação com o cidadão. Ontem, a AGT comunicou o prolongamento do período de pagamento da Taxa de Circulação. Na verdade, os cidadãos angolanos já têm como dado adquirido que os prazos são sempre prorrogados e, portanto, para quê cumprir? Assim nunca nos educaremos. Por outro lado, a administração viu-se confrontada com uma realidade cada vez mais evidente e que a obriga a melhorar o seu desempenho, tanto em termos de comunicação, como de realização. As pessoas queixam-se do mau estado das estradas, o Estado não deu a cara para falar sobre isso, preferiu um fingido silêncio. Resultado: os que pagaram foram muito poucos. O Estado ameaçou com multas quem não pagasse, mas os cidadãos sabiam que haveria uma extensão no tempo, tem sido sempre assim. Ou mostraram que não querem mais pagar por maus serviços. Portanto, ou o Estado ameaça e cumpre (porque o Estado deve ter palavra), ou melhora as vias. Mas isto é incontornável, tem mesmo que melhorar, e o pagamento não precisará de ser feito sob ameaças.

Últimas Notícias