loader

Uganda quer seguir a experiência de Angola na exploração petrolífera

Angola e o Uganda manifestaram na Segunda- feira, em Luanda, o interesse na troca de experiências no sector petrolífero, em termos de exploração, desenvolvimento e produção, bem como processamento de hidrocarbonetos. Uma delegação do sector dos petróleos do Uganda, chefiada pelo ministro de Estado para o Desenvolvimento dos Recursos Minerais, Peter Lokeris, está em Luanda desde Segunda-feira e foi recebida pelo presidente do Conselho de Administração da Sonangol, Carlos Saturnino.

O interesse no histórico da exploração petrolífera angolana assenta no facto de o Uganda, país sem ligação para o mar, estar a dar os seus primeiros passos na exploração do crude. A comitiva ugandesa integrou, além do ministro, o director executivo da Autoridade Nacional de Petróleos, a directora de Operações da petrolífera nacional daquele país e o director de Desenvolvimento e Produção da Autoridade Nacional de Petróleos.

Sobre a economia da Uganda

É o segundo país mais populoso do continente africano. Uganda tem importantes recursos naturais, incluindo solos férteis, chuvas regulares e razoáveis depósitos minerais de cobre, ouro, outros minerais e petróleo, descoberto recentemente. A agricultura é o principal sector da economia, empregando mais de 80% da força de trabalho. O café é o principal produto agrícola exportado. Desde 1986, o governo – com a ajuda de organismos internacionais – tenta reabilitar a economia, através de uma reforma monetária, com o aumento das exportações (auxiliado também pela alta dos preços dos derivados do petróleo) e melhoria dos salários do funcionalismo público.

Últimas Notícias