loader

Angola continua interessada no bauxite da Guiné-Bissau

Os actos de prospecção e exploração de bauxite, nas minas de Boé, na Guiné- Bissau, foram interrompidos devido à situação de instabilidade política naquele país lusófono da África do Oeste Angola vai retomar os projectos agrícolas e de exploração de bauxite na Guiné-Bissau, declarou em Bissau, o segundo vice- presidente do parlamento de Angola, Higino Carneiro.

Higino Carneiro, que prestava declarações no final de uma audiência concedida pelo chefe de Estado guineense, José Mário Vaz, manifestou o desejo de Angola continuar a desenvolver os projectos que tiveram início em 2007 com a assinatura do acordo bilateral de cooperação.

Nessa altura, à Guiné-Bissau, Angola levou duas empresas para desenvolver a exploração mineira, agricultura e indústria. No final, Higino Carneiro disse que, “informei o Presidente guineense, que se encontram neste momento em Bissau responsáveis que estão a trabalhar com funcionários ligados ao projecto da Bauxite Angola e a um outro relacionado com a castanha de caju”, avançou.

A cooperação entre Angola e a Guiné-Bissau foi suspensa em Abril de 2012, na sequência de um golpe militar ocorrido em Bissau, que levou à saída forçada do contingente do exército angolano estacionado naquele país.

Últimas Notícias