loader

Análise Diária: Reservas dos bancos comerciais registaram aumento 1% em Abril

Os dados preliminares do BNA demonstram que as reservas bancárias atingiram Kz 1.170,7 mil milhões

POR: Atlantico

Espaço Angola

As operações de facilidade de cedência de liquidez do BNA ao sistema bancário reduziram 34,3% no mês de Março face ao mês anterior, fixando-se em Kz 289,28 mil milhões.  Os dados preliminares do BNA demonstram que as reservas bancárias dos bancos comerciais junto ao Banco Central registaram aumento mensal de 1%, situando-se em Kz 1.170,7 mil milhões em Abril

Espaço Internacional

Japão: A conta corrente referente ao mês de Março apresentou superavit de USD 29,4 mil milhões, que representa um aumento de 50,8% face ao mês anterior.  China: A taxa de inflação apurada durante o mês de Abril registou uma desaceleração em termos homólogos de 0,3 p.p., situando-se em 1,8%.

Visão Atlantico

Os dados preliminares do BNA demonstram que as reservas bancárias dos bancos comerciais junto ao Banco Central registaram aumento mensal de 1%, situando-se em kZ 1.170,7 mil milhões em Abril, que poderá reflectir o aumento dos depósitos obrigatórios em moeda nacional, em 2,12%, e dos depósitos livres em moeda estrangeira, em 41,5%. Importa redralçar que o aumento dos depósitos livres em moeda estrangeira representa o maior nível desde Dezembro de 2016. Após a introdução dos novos coeficientes de reserva obrigatória, em Novembro último, de 21% e 15% para os depósitos em moeda nacional e estrangeira, respectivamente, as reservas bancárias apresentaram uma taxa média de crescimento de 5,87%.

  A conta corrente, do Japão, referente ao mês de Março apresentou um superavit de USD 29,4 mil milhões, que representa um aumento de 50,8% face ao mês anterior, tendo registado um incremento de 8,1% em relação ao período homólogo. A variação homóloga reflecte o aumento do saldo da balança comercial, com a subida das exportações em 7%, enquanto as importações registaram incremento de 4%. A depreciação do iene, no período em análise, poderá justificar a performance das importações. Destaca-se que o Japão regista superavit na conta corrente desde Junho de 2014.

Últimas Notícias