loader

Músico Robertinho detido por suspeita de tráfico de droga

O caso remonta a Novembro de 2017, data em que Robertinho regressava de uma actividade cultural no Brasil, fazendo-se acompanhar de duas malas, uma das quais com nove quilogramas de cocaína.

O músico angolano Fernando Lucas da Silva “Robertinho” está detido desde Segunda- feira, em Luanda, por suposto envolvimento no tráfico de drogas. O artista foi detido pelo Serviço de Investigação Criminal (SIC) no Aeroporto Internacional 4 de Fevereiro, quando pretendia deslocar- se ao Brasil, em cumprimento de um mandado de detenção expedido pelo Ministério Público (MP).

O caso remonta a Novembro de 2017, quando Robertinho regressava de uma actividade cultural no Brasil, trazendo duas malas, uma das quais com nove quilogramas de cocaína, supostamente entregue por um desconhecido no aeroporto brasileiro. Devido ao processo crime aberto, segundo o director do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do SIC, Tomás Agostinho, o artista estava proibido de sair do país. Tomás Agostinho informou que o artista foi já ouvido e encaminhado ao Ministério Público (MP).

O oficial da “Polícia de investigação” aconselha os cidadãos angolanos a evitarem, sempre que contactados por supostos passageiros em aeroportos, receber encomendas ou bagagens sem conhecerem o seu conteúdo. Natural de Malanje, Robertinho começou a cantar aos 18 anos, no bairro Marçal, em Luanda, tendo integrado o grupo Ébanos, como músico e cantor de apoio. Emergiu em Angola na década de 1980, com passagem pela banda FAPLA-Povo, tendo, em 1991, publicado o seu álbum de estreia “Joana”. O seu reportório regista vários sucesso no país, com destaque para “Joana Mu Kuá di Fuba”.

Últimas Notícias