Meliantes assaltam Paróquia de São Marcos

Foi assaltada, na madrugada de ontem, 14, a Igreja de São Marcos, no conhecido bairro Gamek à Direita, em Luanda. Segundo o pároco, José Esteves, os assaltantes terão arrombado os cadeados das portas e levaram toda a comida que serviria para os mais necessitados

Texto de: Maria Teixeira

“Roubaram todo o material de sonorização (microfones e aparelhagem), o alimento todo guardado para ser entregue aos mais necessitados que temos na lista da Caritas paroquial. Não conseguimos perceber o porquê do assalto”, informou o padre José Esteves, sublinhando que “numa onda de assaltos” que tem vindo a ocorrer naquela zona, “a igreja tem sido também afectada”.

Os assaltantes destruíram os cadeados, arrombaram as portas, levaram três cabos de som, microfones de reserva, microfones sem fios e toda a comida já preparada para distribuir aos necessitados.

“Não faço ideia de quanto poderá custar hoje cada uma daquelas colunas de som que a igreja usa para as actividades, principalmente, nas missas.

Os microfones sem fios, dada a carência no mercado interno, trouxemos de Portugal, e cada conjunto custou 200 Euros. Mas o que mais dói é o facto de terem roubado toda a comida que guardamos para os pobres. Era comida para 75 famílias mais carenciadas”, declarou.

Não é a primeira vez que a igreja de São Marcos sofre um asssalto, o último assalto tinha ocorrido no ano passado, em que os meliantes roubaram igualmente toda a aparelhagem de som e outros bens, declarou a mesma fonte, que se mostrou triste com a situação.

Segundo o padre, desta vez não fez queixa à Polícia, porque na última vez não serviu de nada. “Desta vez, o que fizemos foi distribuir por casas o que nos sobrou com algum valor comercial”, contou.