loader

Sagrada Esperança quer surpreender 1º de Agosto

Depois de perder por 0-1 na 15ª jornada com o Petro de Luanda, o defesa central dos diamantíferos Roberto Yuri só pensa em regressar à cidade dos diamantes com os três pontos na bagagem

POR: Mário Silva

O defesa central do Sagrada Esperança da Lunda-Norte, Roberto Yuri, disse ontem a O PAÍS que a equipa trabalhar com o objectivo único de surpreender o 1º de Agosto, Sexta-feira, no Estádio 11 de Novembro, em Luanda, às 17:30. Tratando-se de um jogo de acerto de calendário referente à 14ª jornada do Girabola Zap, vencer é a palavra de ordem, segundo o atleta de 24 anos.

O antigo jogador do Santa Rita de Cássia do Uíge revelou que o grupo só pensa em pontuar, pois quer terminar a 1ª volta da prova na quinta posição. Embora reconheça o poderio do bi-campeão nacional, Yuri recordou que em 2016 os lundas empataram a uma bola em Luanda.

“É possível voltar a surpreender os militares perante os seus adeptos e sócios” perspectivou o jogador a este jornal. A equipa fundada em Dezembro de 1976 chega a Luanda amanhã, ficando hospedada numa unidade hoteleira do bairro Morro Bento.

Os diamantíferos ocupam a décima primeira posição com 15 pontos na tabela classificativa. Na época passada, o 1º de Agosto venceu o Sagrada Esperança por 1-0, ao passo que no jogo de resposta os lundas derrotam os militares pelo mesmo score.

Militares trabalham com o pensamento na liderança

Domingo passado, o 1º de Agosto, venceu o 1º de Maio de Benguela por 0-1. Hoje, às 8:00 horas, no Estádio França Ndalu, os militares fazem a sua penúltima sessão de treinos. Com os olhos no primeiro posto no Girabola Zap, trabalham para discutir os três pontos, uma vez que os lundas chegam a Luanda sem qualquer temor pelo adversário. Por isso, o técnico Zoran Maki estuda minuciosamente as fraquezas do adversário e prepara a receita para este importante jogo.

Últimas Notícias