loader

Assembleia Nacional reforça cooperação com parlamentares estrangeiros

Esta Quinta-feira, 24, o presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos, concedeu audiências a três embaixadores acreditados no país

POR: Maria Custódia

O embaixador da República do Egipto em Angola, Khaled Hassan Abdelarrahman, advoga que os parlamentos de Egipto e de Angola trabalhem em conjunto para impulsionar a cooperação entre os dois países. O diplomata fez essas declarações à saída de uma audiência que lhe foi concedida, ontem, pelo presidente da Assembleia Nacional, Fernando da Piedade Dias dos Santos, durante a qual declarou terem discutido assuntos bilaterais entre Egipto e Angola.

Durante o encontro, o diplomata egípcio revelou que aspectos ligados à futuras visitas mútuas entre ministros e deputados de ambos os países também estiveram no centro das atenções. Khaled Hassan Abdelarrahman acha importante que os dois parlamentos trabalhem em conjunto para elaborarem documentos e aprovarem leis que venham a fortalecer o processo de desenvolvimento dos dois povos.

Ainda ontem, Fernando da Piedade Dias dos Santos recebeu a embaixadora de Cuba em Angola, Esther Armenteros Cárdenas, na qual manifestou o interesse de que uma delegação parlamentar angolana, nos próximos meses, visite o seu país, no quadro das relações de amizade existentes entre os dois países. Referiu que a Assembleia Nacional do seu país possui 605 membros, e que este novo parlamento se distingue pelo facto de possuir deputados que nasceram depois da revolução.

A diplomata cubana afirmou que recebeu palavras de conforto e solidariedade do presidente do parlamento angolano, em relação à queda do avião Boeing 737-200, no município de Boyeros, arredores de Havana, capital cubana, que causou acima de 100 mortes. Ainda no âmbito das audiências, em separado, o presidente da Assembleia Nacional, manteve também um encontro com o embaixador da República da Argentina, Luís Eugénio Bellando. No fim do encontro, Bellando declarou à imprensa que as relações entre Angola e Argentina poderão melhorar muito a partir de agora, e que pretendem apoiar, colaborar e reforçar as relações entre os dois países.

Últimas Notícias