loader

Hendrik Vaal Neto lança amanhã nova obra literária na União dos Escritores Angolanos

Sob chancela da Chiado Books, o livro intitula-se “Fragmentos: Pedaços de Uma Viagem em Prosa”, conta 216 páginas e inscrito na Colecção “Viagens na Ficção”, evoca a vida do homem mergulhado num quotidiano interminável de dados viciados

POR: Augusto Nunes

“Fragmentos – Pedaços de Uma Viagem em Prosa” é o título da mais recente obra literária do escritor Hendrik Vaal Neto, a ser apresentada amanhã às 18 horas, em Luanda, na União dos Escritores Angolanos. Editado pela Chiado Editores, tem 216 páginas, o livro está inserido na Colecção “Viagens na Ficção” e retrata o dia-dia do homem num quotidiano interminável de dados viciados. Com uma pena realística, o autor dá vida a tantas vidas confluídas em contos e novelas, nas quais os valores humanistas se desmoronam diante em sociedades que se configuram uma “força impiedosa que a todos subjuga, sobretudo quando se é desgraçado, sem dinheiro e sem dignidade”.

Entre o sonho e a imaginação, os textos de “Fragmentos Pedaços Colóquio Angola no Simpósio Internacional sobre Direitos de Autor nos Estados Unidos da América Música IIrmã Sofia procede à venda e assinatura autógrafos do seu mais recente disco em Malanje Investigação Governo chinês anuncia investigação de alegados casos de evasão fiscal na indústria do cinema. Tendência Modelo espanhola, mulher de Iker Casillas, é rosto da colecção primavera/ verão 2018 da Calzedonia. Celebridades Johnny Depp deixa fãs preocupados com o seu novo visual após as suas fotos terem sido partilhadas.

de Uma Viagem em Prosa” dão lugar a constantes preocupações como a realidade mais concreta do ser humano, num convívio constante entre o velho e o novo, o tradicional e o moderno. A obra procura o equilíbrio e a harmonia cósmica perdida, quer pela ascensão dos grandes eixos de actividades humanas como a economia, a política e a cultura; caracterizados por comportamentos cada vez mais narcisistas, consubstanciados no culto do “eu” individualizado – circulando entre os mais variados tipos de personagens, reencarnados em monstros, espíritos de antepassados, a obra não abandona a função social da literatura.

Trajectória do escritor

Hendrik Vaal  Neto nasceu a 22 de Novembro na cidade cafeícola da Gabela, interior da província do Cuanza Sul. Estudou em Caconda, Ambriz, Huambo, Benguela e em Luanda. Participou em vários seminários políticos na Suíça, Zâmbia e nos Estados Unidos. Depois dos 15 anos de idade, dedicou toda a sua vida à libertação do povo. Conviveu com ele nas matas e, durante 13 anos, percorreu mais de 80 países do mundo para defender a sua causa”. Filho de pai funcionário público colocado em várias localidades no interior do território,Hendrik Vaal Neto teve a possibilidade de percorrer Angola em toda a sua imensidão, convivendo com a realidade colonial das suas populações no seu habitat, sempre foi solidário com os mais sofridos, segundo dados biográficos a que tivemos acesso. Em 1963, perseguido pela PIDE, juntou–se aos guerrilheiros no Norte de Angola, e com eles seguiu para a República Democrática do Congo, onde frequentou com sucesso o Institute National D’Études Polítiques.

Últimas Notícias