Kabuscorp já perdeu 12 pontos: Dívidas a jogadores perseguem Kangamba Bussiness Corporation

Depois do caso Rivaldo, a formação da Rua F voltou a perder mais seis pontos no Girabola Zap por causa da dívida que tem com o TP Mazembe da RDC, resultante da contratação do médio congolês Tresor Mputu Mabi, em 2014

POR: Sebastião Félix

O Kabuscorp do Palanca, presidido por Bento Kangamba, está em maus lençóis no Girabola Zap. Um rol de dívidas persegue a formação da Rua F, desde que começou a época do desporto-rei em Angola, este ano. O caso Rivaldo, antes do fecho da primeira volta do Campeonato Nacional, tresmalhou a direcção da equipa fundada em 1994. O Kabuscorp do Palanca devia USD 750 mil, resultantes das cláusulas contratuais, ao internacional brasileiro. Mas, este como não via o valor na sua conta bancária queixou- se na FIFA, que por sua vez, orientou que a Federação Angolana de Futebol (FAF) lhe retirasse seis pontos.

Ontem, num outro comunicado, a FIFA voltou a orientar à FAF a retirada de mais seis pontos por incumprimento de algumas prestações. Desta vez, a direcção do emblema do Palanca deve ao TP Mazembe da República Democrática do Congo (RDC). Tudo deve-se ao facto da contratação do médio congolês Trsor Mputu Mabi em 2014, uma vez que o valor em dívida não foi avançado. Um terceiro caso de dívida do Kabuscorp prende-se com o ex avançado camaronês Meyong, segundo fontes do O PAÍS. Nos próximos dias, o atleta deverá entrar também com uma queixa na FIFA, órgão reitor do futebol mundial.

Com os pontos retirados, o emblema da Rua F baixa para a 15ª posição com 16 pontos, resultante da vitória ontem frente ao Recreativo da Caála do Huambo (3-0), na abertura da segunda volta do Girabola Zap. O técnico Sérgio Traguil também se demitiu por má relação com os atletas e foi substituído pelo sérvio Kostadin Papic que assinou contrato até Dezembro de 2019. Fontes deste jornal alegam que a direcção do Kabuscorp do Palanca vai, nas próximas horas, pronunciar-se sobre o assunto.

Lundas empatam

O Sagrada Esperança da Lunda Norte empatou ontem (1-1) com o Domant FC do Bengo, na abertura da 16ª ronda do Girabola Zap.