loader

Museu de Antropologia homenageia crianças com exposição da peça “Nsási”

A peça é um acessório musical, que pode ser acompanhado por qualquer outro instrumento, mas também é utilizado para embalar os bebés

POR: Antónia Gonçalo

Está patente desde o dia 11 do mês em curso, no Museu Nacional de Antropologia, em Luanda, a peça “Nsási” (chocalho), em homenagem às crianças, com base no projecto denominado “A peça do mês”. A peça, retirada do acervo do museu para a exposição, conhecida também por chocalho, é um acessório musical que pode ser acompanhado por qualquer outro instrumento melodioso, mas também é utilizado para embalar os bebés. O chocalho é feito pela técnica de cestaria com tiras de junco entrelaçadas, uma espécie de planta de caule fino, cilíndrico e flexível que cresce em lugares húmidos, usada pela tecelagem de cestos, esteiras e assentos de cadeira. Pertencente ao grupo etnolinguístico bakongo, conhecido também em diversas áreas de Angola e muitas vezes chamada de saxi, batxakatxa e sacaia são produzidas maioritariamente por mulheres da zona rural.

Em declarações a OPAÍS, o director do museu, Álvaro Jorge, referiu que escolheram a presente peça para a exposição no mês em curso, por ser dedicado às crianças, de formas a homenageá-las e chamar a atenção para os seus direitos em todo o mundo. “É comum as nossas peças serem multi-funcionais. Nsási pertence ao conjunto dos idiofones, instrumentos cujo som é obtido pela vibração natural do corpo do próprio instrumento. Tocando esse instrumento, os bebés ficam mais animados”, explicou. Álvaro Jorge referiu ainda que, com a exposição, pretendem lembrar que a alegria, o cantar e o fazer música fazem também parte da vida histórica, antropológica e socio- cultural do povo angolano.

Funções

O chocalho é percutido indirectamente, quando se sacode, de forma a causar o entre-choque das sementes secas e rijas que se encontram no seu interior. Consta que a peça é expressamente seleccionada para cada evento e tangem sons que apaixonam não só os tocadores, mas acima de tudo a comunidade. Na sua maioria, cada instrumento musical assume uma função específica e relevante na harmonização da música. Existem no país diferentes tipos de chocalhos, obtidos de diversas formas no que respeita às matérias- primas de construção e decorações, alguns deles utilizados em actos de adivinhação.

Peça do mês

O projecto “A peça do mês” tem como objectivo divulgar os artefactos existentes no museu, bem como propagar na sociedade a sua importância como património cultural e nacional, função social, discrição, origem e cativar os cidadãos a visitarem o espaço. Desde o arranque do projecto, em Agosto de 2016, foram expostas mais de 18 peças, tendo começado com a “Pedra de Hiroshima”, “Lilweka”, “Luena”, “O Pensador” (Kuku Kalamba), “Ndemba”, “Kiela”, “Kikondi”, “Mulondo” e “Cihongo” (Txihongo), “Kijinga”, Heholo”, “Mintadi, Mufuka, “Mondo” e a “Mwana- Pwo”, “Kibandu” e “Etemo”.

Últimas Notícias