loader

Comité de Sanções da ONU em Bissau para analisar sanções impostas a militares

O presidente do Comité de Sanções das Nações Unidas inicia hoje uma visita de dois dias à Guiné-Bissau para analisar as sanções impostas contra militares guineenses e discutir os desenvolvimentos políticos no país. Segundo um comunicado da ONU, durante a sua estada em Bissau, o presidente do Comité de Sanções e também representante da Guiné Equatorial nas Nações Unidas, Anatolio Ndong Mba, vai reunir-se com as autoridades guineenses, partidos políticos, organizações da sociedade civil e parceiros internacionais da Guiné-Bissau.Em Maio de 2012, na sequência do golpe de Estado, o Conselho de Segurança da ONU aplicou sanções a 11 oficiais envolvidos na alteração da ordem Constitucional, incluindo o general António Indjai, general Mamadu Turé, general Estevão Na Mena, general Ibraima Camará e o tenente-coronel Daba Naualma.O comportamento dos militares guineenses tem sido elogiado pela comunidade internacional, incluindo o Conselho de Segurança das Nações Unidas

 

Últimas Notícias