loader

Nova secretária da OMA em Benguela prioriza combate à corrupção

Trata-se de Maria Graça António, que substituiu Leonor Fundanga que deixa o cargo por inerência de funções no Governo Provincial (ocupa a pasta da Acção Social, Família e Igualdade no Género

Texto de: Constantino Eduardo, no Lubango

Eleita Sábado último, 23, a nova secretária da OMA em Benguela, durante o seu mandato de três anos, apontou o combate ao analfabetismo, à pobreza, à corrupção e o crescimento da sua organização como as suas prioridades. Eleita em conferência extraordinária, a dirigente vai dar continuidade a um mandato de 5 anos iniciado em Fevereiro de 2016 pela sua antecessora que fora reconduzida ao cargo.

Nas suas primeiras declarações à imprensa, Maria da Graça António prometeu trabalho e coesão no seio da instituição, numa missão em que conta com os quadros que trabalharam com Leonor Fundanga.

O conclave, realizado sob o lema “Mulheres Angolanas Firme pela Igualdade e Bem-estar Social”, serviu também para a apresentação do relatório síntese das actividades realizadas pelo secretariado provincial executivo da OMA entre Fevereiro de 2016 e Junho de 2018.

Congregando 457 delegadas, o conclave aprovou ainda as mo-ções “de total e incondicional apoio ao Presidente da República, João Lourenço, pelo seu engajamento em prol da Unidade Nacional, Democracia e do Desenvolvimento sustentável do país, e a José Eduardo dos Santos, presidente do partido MPLA”.

Os trabalhos da 1ª Assembleia Extraordinária foram testemunhados pelo grupo de acompanhamento à província de Benguela, chefiado pela secretaria-geral Adjunta, Maria Isabel Molunga Mutunda.

Intervindo na cerimónia de encerramento, Isabel Mutunda felicitou a nova secretária, tendo recomendado a premissa de “cumprir e fazer cumprir” os estatutos e regulamentos da organização. Por seu turno, o 2º secretário provincial do MPLA em Benguela, António Kapeua Kalianguila, assegurou que a indicação de Maria da Graça foi proposta do Comité Provincial do MPLA.

O político lembrou que o conclave aconteceu numa altura em que a máquina partidária a nível central focaliza as suas atenções no Congresso Extraordinário agendado para Setembro deste ano.

Últimas Notícias