loader

Circuito Internacional de Teatro movimenta mais de 30 grupos em Luanda

A gala de abertura do evento terá lugar Sexta-feira, 29, às 21horas, no Centro Cultural Brasil-Angola (CCBA), contará com a actuação de vários fazedores de artes, com destaque para a poetisa Kanguimbo Ananás, o grupo de dança Kilandukilu e o grupo teatral do Complexo das Escolas de Arte (CEART)

Texto de: Antónia Gonçalo

Acima de 30 grupos nacionais e estrangeiros participam na 3ª edição do Circuito Internacional de Teatro (CIT) que decorre de 1 Julho a 17 de Setembro na Liga Angolana de Amizade e Solidariedade com os Povos (LAASP) e no Centro Cultural Angola-Brasil (CCBA). Trata-se dos grupos Enigma Teatro, Horizonte Njinga Mbande, Miragens, Amor e Arte, Ima Yoso, Ana Tweza, Kulonga, Tartú Faria, Dadaísmo Tweya, Njila Teatro, Kipapumono, Nova Cena, Etu Ngô, Los Zangos Teatro, Ombaka, Katwa Mzambi, CAS, Henrique Artes e Oásis.

Os grupos Girassol, Projecto Vela, Ndokwêno Artes, Amazonas, Imbondeiro Teatro, Etu Lene, Feloma, Nguizane e Bismas que encenarão as peças “Grande questão”, “Momentos e beijos”, “Tem um morto na minha cama”, “Escritos nas estrelas” e “Verdades ditas pelo diabo”.

As peças “A mulher do António”, “Meu amor da rua 11”, “Ciente”, “Paixão que fundiu”, “Kifangondo”, “Os órfãos de Pungu-a- Ndongo”, “Após o funeral”, “O quarto”, “Helena”, “ Matumbice do ouro”, “Como eu era antes”, “O luto”, “O tambi”, “Quente e frio”, “Cemitério 38”, “Corno cruzado”, “Código de estrada”, “O ano do cão”, e “O feiticeiro e o inteligente”, também estarão em cartaz no evento.

Estrangeiros

A participação internacional estará a cargo dos grupos provenientes do Brasil e Moçambique: Estrada e Lareira, que vão encenar “Momentos estéreis”, “Mármores”, “Cinzas sobre as mãos” e “Quando as máquinas param”. Gala de abertura A gala de abertura do evento será Sexta-feira, 29, às 21horas, no CCBA, contará com a actuação de vários fazedores de artes, como a poetisa Kanguimbo Ananás, o grupo de dança Kilandukilu e o grupo teatral do Complexo das Escolas de Arte.

Homenagem Nesta edição do evento, o director Provincial da Cultura de Luanda, Manuel Sebastião, será homenageado. Segundo o coordenador do evento, Adérito Rodrigues, a homenagem deve-se ao facto de Manuel Sebastião ser um activo promotor da Cultura no país.

Manuel Sebastião, o homenageado “Está a ser homenageado pelo facto de ser um cidadão que há mais de 40 anos trabalha arduamente para que a chama artístico-cultural, especialmente do teatro, se mantenha viva. Ele foi um dos grandes mentores do prémio Cidade de Luanda, um divulgador do teatro que Criou o Projecto Noites de Teatro às Quintas-feiras no antigo Teatro Avenida”, referenciou.

O evento

O evento de periodicidade anual visa incentivar o intercâmbio teatral entre grupos e companhias de teatro nacionais e grupos internacionais, valorizar as artes cénicas e estimular a produção. Além da exibição de peças teatrais, é um evento em que são realizadas palestras, workshops e acções formativas no domínio das artes cénicas entre os diferentes grupos e para o intercâmbio entre o país organizador e os seus convidados.

Últimas Notícias