loader

Mundial 2018: Senegal volta a ser a esperança africana

Os Leões da Teranga entram para o tapete verde do Arena Cosmos para vencer

No grupo H, o Senegal volta a ser hoje a esperança africana no Mundial da Rússia. Desta vez, lutará por uma vaga rumo aos oitavos-de-final na última jornada. No Arena Cosmos, em Samara, os Leões da Teranga vão defrontar a Colómbia, terceiro da série com 3 pontos, às 15:00. Os senegaleses, com quatro pontos, os mesmos que o Japão, dependem de si mesmo para representar condignamente o continente. Por isso, o avançado Keita Baldé mostrou-se confiante e adiantou que o primeiro objectivo é carimbar o passe.

Ao que parece, o técnico Aliou Cissé preparou um 11 mais ofensivo, porque o ascendente dos colombianos surpreendeu os polacos na semana passada. Aliás, o plantel sul-americano conta com atletas que militam nos melhores campeonatos do Velho Continente. O médio da Juventus da Itália, Cuadrado, terá uma palavra a dizer neste encontro, uma vez que foi decisivo nas jornadas anteriores.

No detalhe, a selecção senegalesa estudou o adsversário, porque pretende remeter os colombianos no seu reduto defensivo. No arranque do Mundial, o Senegal foi a única selecção africana que venceu.

Japão fecha com a Polónia em Volgogrado

O Japão, depois do empate a duas bolas com o Senegal na segunda jornada, fecha hoje com a Polónia, no Arena Volgogrado, às 15:00. O cenário da formação nipónica é o mesmo que o dos senegaleses.

Por isso, entra para “congelar” os polacos, no grupo H, por estes já não terem quaisquer chances de passar para a outra fase. Pela forma como se bateram no embate anterior, tudo indica que os japoneses vão chamar para si a passagem.

Mas, não se pode descartar uma eventual surpresa dos polacos, tendo em conta a disciplina táctica e a capacidade técnica que ostentam, acontencendo que pode facilitar a Colómbia, se o desfecho for positivo frente ao Senedr

Últimas Notícias