loader

Dos Santos apela à unidade nacional para estabilidade política do país

Em reunião que decorreu à porta fechada e longe do olhar atento da imprensa, tratou-se essencialmente de aspectos atinentes à realização do Congresso extraordinário que culminará com a eleição de um novo presidente do partido

POR: Norberto Sateco

O presidente do MPLA, José Eduardo dos Santos, reafirmou a vontade do partido que dirige de continuar a trabalhar para a unidade nacional, face aos desafios que o país tem pela frente. A afirmação foi feita ontem, Sexta-feira, 29, em Luanda, na abertura da III reunião extraordinária do Comité Central, que decorreu fora dos holofotes da imprensa, no Complexo do Futungo 2. No seu discurso, José Eduardo dos Santos referiu-se também a uma estratégia com vista a estimular o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) e do emprego, como factores susceptíveis de catalisar o desenvolvimento sustentável e inclusivo do país.

O presidente do partido que sustenta o Governo, depois de destacar a importância das acções desenvolvidas pela sua força política, reiterou o aprofundamento da unidade e a coesão interna para contribuir na consolidação da estabilidade política do país. Segundo o presidente do MPLA, a estabilidade política vai garantir o desenvolvimento multifacético da sociedade angolana, razão por que o partido que dirige está engajado na consolidação da democracia, com a realização de eleições autárquicas.

A III reunião do Comité Central apreciou, dentre outros assuntos, o grau de execução dos preparativos para a realização do Congresso extraordinário e o projecto de resolução sobre a candidatura do vice-presidente do MPLA, João Lourenço, ao cargo presidente do partido.

Últimas Notícias