loader

Lubango terá ecopontos nos próximos dias

Este anúncio foi feito no fim de uma campanha de mobilização porta a porta na cidade do Lubango, com vista a cultivar no seio das famílias a educação ambiental, liderada pelo governador provincial da Huíla, João Marcelino Tyipinge

Texto de: João Katombela, na Huíla

A cidade do Lubango passará a contar, nos próximos tempos, com ecopontos junto aos postos de iluminação pública, onde os transeuntes deverão depositar o lixo, anunciou, na Segunda-feira, o vice-governador para o sector Técnico e Infraestruturas da província da Huíla, Nuno Mahapi Ndala.

O gestor público fez estas declarações à imprensa no final da campanha de plantação de árvores realizada nesta cidade sob a direcção do governador provincial da Huíla, João Marcelino Tyipinge. Essa actividade será extensiva a todos os troços e ruas que estão a ser intervencionados.

“O governador fez um trabalho de campo para sensibilizar a população não só a plantar, como também a ter a cultura de cuidar das plantas. É uma tarefa importante, uma vez que queremos devolver a cintura verde que essa província sempre teve”, afirmou. Disse, por outro lado, que a mesma teve início na última Sexta-feira, com a visita do Presidente da República, João Lourenço.

A directora provincial do Ambiente, Dina Domingos, explicou que o objectivo é plantar em toda a cidade cerca de 1500 árvores. A gestora ambiental avançou que para que o projecto caminhe a bom ritmo é necessário que haja o envolvimento de toda a população.

“A ideia é plantar, no mínimo, cerca de 1500 árvores. Já foram plantadas mais de mil e para que o projecto corra bem temos de envolver toda a população, razão pela qual o governador provincial trabalhou na mobilização”, explicou.

Durante o trabalho de mobilização porta a porta que levou o governador João Marcelino Tyipinge a algumas zonas periféricas da urbe, concretamente as zonas da Lalula e o bairro da Kamumuila, foram plantadas mas de 1000 árvores de várias espécies em diversas ruas.

Ao interagir com os governados, Tyipinge apelou a cada um deles a cuidar da árvore que foi plantada junto ao seu quintal, de forma a recuperar as cortinas de vento da urbe.

Mariana Nyama, uma das munícipes com a quem o governante conversou após ser plantada uma árvore junto ao seu quintal, disse, à imprensa, que recebeu dele orientação neste sentido, de tudo fazer para que a mesma cresça e floresça, tendo em conta o valor que cada planta representa para a saúde humana.

“Pediu-me para cuidar desta árvore, regando todos os dias, e eu prometi fazê-lo porque quando estiver grande vai proporcionar uma sombra agradável para a minha família”, disse.

Já Matias Domingos, 13 anos, estudante da 6ª Classe na Escola do Ensino Primário Nº 200 que também recebeu a visita do governante, apelou, na ocasião, a todas as crianças a cuidar das árvores plantadas.

Além de plantar, neste local Tyipinge regou algumas árvores com o auxílio dos estudantes, de forma a consciencializá-los sobre os benefícios de cuidarem da natureza. “Apelo às crianças, como eu, a cuidar bem das plantas. Não podem partir nem arrancar nenhum galho”, recomendou.

Últimas Notícias