loader

Detidos os assassinos que abriam os corpos de suas vítimas

Moreira Francó, de 43 anos de idade, e seu comparsa Cezar Tomás Domingos, acusados de fazerem parte de um grupo de três assaltantes de motorizadas, foram detidos durante a última operação da Polícia Nacional e sobre eles pesam os os crimes de homicídio com arma branca, com que lhes retiravam alguns órgãos

POR: Maria Teixeira

Foram apresentados ontem, durante o balanço da Polícia Nacional, dois cidadãos com idades compreendidas entre os 30 e os 43 anos, envolvidos em cinco crimes de homicídio qualificado, com uso de arma branca (facas de cozinhas), ocorridos nos dias 1 de Junho e 3, 7, 12 e 18 de Julho corrente, no município do Icolo e Bengo. Os presumíveis criminosos faziam- se passar por passageiros que, por seis mil Kwanzas, alugavam motorizadas, vulgo kupapatas, no bairro KM 30 e tinham como destino à Comuna de Cabiri. As vítimas eram imobilizadas com uma meia comprida enrolada ao pescoço e posteriormente esfaqueadas até à morte.

A maior parte dos corpos encontrados pela Polícia encontravam- se esventrados, ao ponto de se lhes notar a ausência dos órgãos internos, o que indicia uma acção de tráfico de seres humanos. Além de tirarem a vida às suas vítimas, os meliantes também abriam os corpos para lhes retirar os órgãos. Segundo Mateus Rodrigues, director provincial de Comunicação Institucional de Imprensa do Ministério do Interior, o móbil do crime era o roubo de motorizadas. Há um terceiro elemento acusado de ter participado nos supracitados crimes que está em fuga. Diligências estão a ser feitas para a sua captura. O serviço de Investigação Criminal de Luanda, no âmbito do combate à criminalidade violenta, no período entre 11 e 25 de Julho, deteve 72 cidadãos por crimes diversos. A operação permitiu ainda a detenção de seis cidadãos, com idades compreendidas entre 14 e 20 anos, envolvidos em dois crimes de homicídio voluntário com armas brancas (faca de cozinha e catana), nos dias 17 e 19 de Julho, no interior da empresa “Pagena”, no bairro da Boa Vista, Distrito da Ingombota. O crime, que aconteceu na via pública, teve como vítimas os cidadãos que em vida se chamaram Fedão Santos Manuel Quinjango, menor de 15 anos de idade, e Chinho da Conceição José Neto da Costa Muzangala, de 17 anos de idade.

Morte do professor brasileiro sob investigação

Ainda sobre os crimes em Luanda, um professor universitário de nacionalidade brasileira, Yaru Cândido, foi assassinado na tarde do último Domingo, no município do Kilamba Kiaxi, por esfaqueamento, por dois cidadãos angolanos. O director provincial de Comunicação Institucional e de Imprensa do Ministério do Interior, Mateus Rodrigues, declarou que o caso está em fase adiantada de investigação, com a detenção de dois presumíveis autores. Muito em breve vão informar o trabalho realizado. “Já temos resultados bastante avançados, mas a investigação ainda não está concluída e não queremos adiantar mais dados”, realçou, Mateus Rodrigues.

Cidadão encontrado morto na vala do Bairro Popular

Um cidadão de 21 anos de idade, que em vida se chamou Mário, foi encontrado morto ontem, em Luanda, na vala de drenagem do Bairro Popular, distrito urbano do Kilamba Kiaxi, por volta das 10 horas. Segundo testemunhas, o jovem era colector de garrafas e vivia naquela circunscrição. A nossa equipa de reportagem tomou conhecimento desta informação por via do Comando Provincial da Polícia Nacional. As testemunhas não souberam dizer o móbil do crime, porém, presume-se que o jovem tenha sido agredido até à morte e o seu corpo lançado na vala de drenagem. Ainda segundo o balanço da Polícia, foram detidos dois cidadãos, entre os 23 e 24 anos de idade, envolvidos no crime de homicídio voluntário por disparo de arma de fogo, ocorrido no bairro Nova Urbanização, município de Cacuaco, em que foi vítima o cidadão que em vida se chamou Tchilatchi Holepapue, de 40 anos de idade. Foram ainda detidos três cidadãos envolvidos em três crimes de violação sexual, nos municípios de Cacuaco, Kilamba Kiaxi e Luanda; sete cidadãos envolvidos em dois crimes de roubo de viaturas nos territórios operacionais de Belas, Luanda e Kilamba Kiaxi; recuperadas 19 armas de fogo, 11 viaturas, oito motorizadas e outros artigos em posse dos marginais. A Polícia deteve ainda, por via de denúncia, um cidadão com várias barras de cobre e material eléctrico no município do Cazenga. Em flagrante, foi apanhado um outro cidadão, natural da Gâmbia, com um camião contendo uma tonelada de cabos eléctricos.

Últimas Notícias