loader

Nadir Tati assinala “Dia da Mulher Africana” com exposição de alta-costura

Uma exposição de alta-costura, da autoria da estilista Nadir Tati, denominada “Caminhos de África” está patente até ao mês de Setembro na Galeria do Banco Económico, na baixa de Luanda

Aberta no passado dia 31 de Julho, data em se que assinalou o “Dia da Mulher Africana, os modelos mais emblemáticos da estilista estão expostas com outras peças mais iconográficas, em cerca de 12 manequins, diversos quadros com fotografias e écrans com a passagem de filmes dos desfiles de moda nas várias passarelas do mundo, onde Nadir Tati já representou Angola e a África.

Em nota, a estilista refere “O meu trabalho é transportar para o mundo toda uma história africana, que passa por um processo de identidade e afirmação de um continente que acompanha cada vez mais o mundo no seu processo contínuo de globalização”, realça.

“A apresentação desta exposição constitui um momento cultural de celebração do feminino, através da moda e presta uma homenagem à mulher africana e ao seu importante papel no desenvolvimento sustentável do país, de África e do mundo”, lê-se no documento. Sob iniciativa do Banco Económico, pretende-se, com esta exposição, homenagear as suas colaboradoras, clientes e parceiras numa iniciativa de reconhecimento do esforço e da competência das mulheres que todos os dias lutam pelo desenvolvimento do país e do continente africano.

Nesta aludida exibição, Nadir Tati cruza, também, os caminhos de mulheres sofisticadas, inteligentes e determinadas, com uma vasta linha de vestidos de noite, trabalhados ao mais ínfimo detalhe, como se pode constatar “in loco”.

De salientar, que esta exposição “Caminhos de África” é a primeira de alta-costura da estilista Nadir Tati. A criadora inspira-se na história de vida do povo angolano para a criação do seu conceito de moda, que parte de Angola para o mundo.

Últimas Notícias