loader

MPLA aprova programa de homenagem a José Eduardo dos Santos

O Bureau Político do MPLA realizou ontem, Sexta-feira, 3, em Luanda, a sua 6ª Reunião Ordinária, que analisou assuntos relativos à vida interna do partido e do país.

Orientada pelo seu Presidente, José Eduardo dos Santos, a reunião apreciou o ante- projecto de informação do Comité Central sobre o processo de transição política na liderança do MPLA, a decorrer em Congresso Extraordinário no dia 8 de Setembro deste ano. Segundo um comunicado de imprensa enviado a O PAÍS, o Bureau Político do MPLA enalteceu o trabalho em curso visando a realização, com êxito, do magno evento. O documento destaca as acções ligadas à divulgação da convocatória do conclave, à produção dos principais documentos, à criação das condições logísticas e à concepção da respectiva campanha de marketing. Ainda sobre o 6.º Congresso, cujos delegados serão os mesmos do 7.º Congresso Ordinário, que decorreu de 17 a 20 de Agosto de 2016, em Luanda, o Bureau Político apreciou a lista de convidados e o orçamento a mobilizar para o evento.

A nota acrescenta que o Bureau Político do MPLA congratulou-se também pelo processo de consulta pública relativamente aos projectos de lei que vão suportar a implementação das autarquias locais, previstas para o ano de 2020, tendo referido que o exercício inclusivo permitiu dar a oportunidade aos cidadãos de opinarem sobre um assunto de importância nacional. Foi apreciado, igualmente, o ante- projecto de programa de homenagem que visa enaltecer os feitos de José Eduardo dos Santos, que considera “arquitecto da Paz e da Unidade Nacional em Angola”, tendo-o considerado merecedor de tal honra por tudo o que fez por Angola e pelos angolanos. Durante a reunião, aprovou-se ainda a agenda de trabalho para a 4ª Sessão extraordinária do Comité Central a ter lugar no dia 16 de Agosto corrente, no Complexo Turístico Futungo 2, em Luanda. O Bureau Político do MPLA manifestou preocupação face aos surtos de cólera que se verificam em algumas zonas do país, tendo exortado à necessidade de esforços multi-sectoriais para a erradicação deste mal, “passível de causar a dor e o luto nas famílias angolanas, principalmente as mais carenciadas”.

Aniversário

Por ocasião de 1º de Agosto, dia da fundação das ex-FAPLA (Forças Armadas Populares de Libertação de Angola), exército que suportou a acção da luta para as grandes conquistas que a história de Angola registou, o Bureau Político do MPLA saudou o exemplo e a bravura demonstrados por combatentes e homens destemidos, que, com a sua gesta, contribuíram para a tranquilidade do povo angolano, lê-se ainda numa das passagens. A nota termina exortando a todos os cidadãos para que, no cumprimento dos seus deveres e no exercício dos seus direitos, “prezem por uma conduta com princípios e valores, ética e obediência à lei e à ordem pública, principalmente no uso ético e racional das redes sociais e das novas tecnologias de informação”. Participaram nesta reunião os membros do Bureau Político e auxiliares do Titular do Poder Executivo como convidados.

Últimas Notícias