loader

Partido dosTrabalhadores do Brasil (PT) confia missão difícil a Fernando Haddad

Foi com esta mensagem, lida diante a prisão de Curitiba, por Luiz Eduardo Greenhalgh, que Lula da Silva se despediu da corrida à presidência do Brasil: “Quero pedir, de coração, a todos que votariam em mim que votem no companheiro Fernando Haddad para presidente da República.”
Para este professor universitário que fez toda a carreira política na sombra de Lula e é pouco conhecido no Brasil profundo, a tarefa anuncia-se complicada, mas é tempo de arregaçar as mangas e de começar a fazer promessas:
“Nós vamos ganhar as eleições, pelo Lula, pelo PT, pelo PCdoB, pelos movimentos sociais e pelo Brasil, porque o Brasil merece essa vitória”, afirmou.
Fernando Haddad parte para a corrida a pouco mais de três semanas da primeira volta da eleição presidencial e com três debates eleitorais a menos na campanha, após terem sido rejeitados todos os recursos da defesa de Lula da Silva e do Partido dos Trabalhadores (PT), assim como o apelo da ONU para manter a candidatura do antigo presidente.

Últimas Notícias