loader

Exonerações no MIREX por alegada má gestão de recursos financeiros

A decisão de manuel augusto surge após terem sido realizadas várias visitas da Inspecção Geral Diplomática e consular

o ministro das Relações Exteriores, Manuel Augusto, procedeu na última Quarta-feira, 12, à exoneração de cinco cônsules-gerais por, alegadamente, terem sido constatadas irregularidades e indícios de má gestão de recursos financeiros, soube OPAÍS de um comunicado deste órgão governamental divulgado na Sexta-feira, 14. De acordo com a informação, a decisão de Manuel Augusto surgiu após terem sido realizadas várias visitas da Inspecção Geral Diplomática e Consular.

A nota explica terem sido igualmente detectados “comportamentos contrários à ética e disciplina laboral”. Deste modo, foram exonerados os seguintes altos funcionários de postos consulares: Fernando Carlos Camuamba, da função de cônsul-geral no posto consular em Dolisie, República do Congo; Rosário Gustavo Ferreira de Ceitas, da função de cônsul-geral no posto consular no Rio de Janeiro, República Federativa do Brasil; Francisco Correia Massaca, da função de cônsul-geral no posto consular em Oshakati, República da Namíbia; Gilberto Pinto Chikoti, da função de cônsul-geral no posto consular no Rundu, República da Namíbia e Sebastião Fernandes Quixito, da função de cônsul-geral no posto consular em Lubumbashi/Katanga, República Democrática do Congo. Foi igualmente dado fim de comissão ordinária de serviço a Custódio dos Santos, da função de Adido Financeiro no Posto Consular em Dolisie, República do Congo.

De acordo com a nota, o MIREX pretende apresentar à Procuradoria-Geral da República os actos apurados sobre os visados, de modo a que este órgão possa averiguar a existência, ou não, de matéria criminal e agir em conformidade.

Por outra, o ministro das Relações Exteriores deu por finda a comissão ordinária de serviço dos seguintes funcionários consulares: Joaquim Augusto Belo Mangueira, do posto consular em São Paulo, República Federativa do Brasil; Vicência Ferreira Morais de Brito, do posto consular em Londres, Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte; Adão Pinto, do posto consular em Nova Iorque, Estados Unidos da América; Clemente Pedro Francisco Camenha, do posto consular em Roterdão, Reino dos Países Baixos (Holanda); Manuel Adão Domingos, do posto consular em Frankfurt, República Federal da Alemanha; Domingos Mazala Ricardo, do posto consular no Mongu, República da Zâmbia; João Soares Bartolomeu, do posto consular em Matadi, República Democrática do Congo; Júlio Belarmino Gomes Maiato, do posto consular no Dubai, Emirados Árabes Unidos e Balduíno Francisco da Silva Bwanga, do posto consular em Durban, República da África do Sul.

Últimas Notícias