Sondagem indica empate técnico entre Bolsonaro e Haddad

Pela primeira vez, os candidatos Jair Bolsonaro do Partido Social Liberal (PSL) e Fernando Haddad do Partido dos Trabalhadores (PT) aparecem tecnicamente empatados na corrida presidencial brasileira, segundo uma sondagem divulgada ontem.

Na sondagem divulgada pelo instituto MDA e encomendada pela CNT (Confederação Nacional do Transporte), Bolsonaro obtém 28,2% das intenções de voto, enquanto Haddad alcança 25,2% da preferência dos entrevistados.
Quanto aos restantes candidatos, Ciro Gomes, que encabeça o Partido Democrático Trabalhista (PDT), surge em terceiro com 9,4%, tecnicamente empatado com Geraldo Alckmin, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), que chega aos 7,3%. Marina Silva (Rede) regista 2,6% das intenções de voto.
A sondagem ouviu 2.002 pessoas entre os dias 27 e 28 de setembro, em 137 municípios brasileiros. O levantamento dos dados foi registado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Na última sondagem feita pelas mesmas entidades, divulgada em 17 de setembro, Bolsonaro aparecia em primeiro lugar, com 28,2% das intenções de voto, seguido por Haddad, com 17,6%, e Ciro, com 10,8%.
As eleições presidenciais brasileiras realizam-se em 07 de outubro.