Empresas angolanas buscam parcerias na feira Intra-Africana

Várias empresas angolanas dos diferentes sectores da actividade vão participar na feira Afreximbak, que decorre de 10 a 17 de Dezembro próximo, na cidade do Cairo, no Egipto. O Afreximbak vai disponibilizar USD 25.000 biliões para investimentos em África.

A feira será realizada pelo Banco Africano de Exportação em parceria com a União Europeia e tem o apoio do Governo de Angola e da Comunidade das Empresas Exportadoras e Internacionalizadas de Angola (CEEIA), informou o presidente da Comunidade das Empresas Exportadoras e Internacionalizadas de Angola (CEEIA), Agostinho Kapaia. Segundo o responsável, vão participar no evento as micro, pequenas e médias empresas angolanas dos sectores agrícola, industrial, banca comercial e de outros sectores. O empresário, que falava à imprensa no final do Workshop sobre empreendedorismo, que decorreu ontem, em Luanda , revelou que Angola terá um pavilhão próprio, onde as diferentes empresas nacionais terão a oportunidade de expor os seus produtos e serviços.

A feira, para Agostinho Kapaia, será um bom momento para as nossas empresas estabelecerem parcerias com instituições internacionais, não só africanas, mas também de outros países do mundo presentes no Afreximbak Para Agostinho Kapaia, a iniciativa vai ser um espaço interessante para os países africanos, numa altura em que os mesmos têm discutido diferentes aspectos, designadamente o aumento da produção nacional, o fomento às exportações em África e o aumento da capacidade das empresas africanas. Por outro lado, Agostinho Kapaia enalteceu também o empenho do novo Executivo pelo esforço que tem estado a empreender para a captação de investimentos directos.

Avançou ainda que o esforço da diplomacia angolana tem contribuído para melhorar resultados, o que permitiu aumentar o número de solicitações por parte de vários empresários e agências internacionais. “A CEEIA passou a receber várias solicitações, estivemos recentemente na China, França, Bélgica, EUA. Isso mostra que o país tem credibilidade e que Angola pode ser um pilar na região africana”, disse O empresário mostra-se confiante e acrescenta que a Afreximbank vai servir também para Angola mostrar não só os seus serviços, mas também as potencialidades existentes. Kapaia sublinhou a necessidade de os países africanos trabalharem em conjunto no sentido de reforçar cada vez mais as suas relações de modo a estabelecer novas trocas comerciais.

Sobre Afreximbank

Afreximbank é um banco de apoio ao comércio, exportações e importações em África e foi criado em Abuja em 1993. Tem um capital de mais de USD 10 mil milhões. A instituição financeira africana, com sede no Cairo, Egipto, tem como objectivo principal promover e financiar o comércio dentro do continente africano, assim como entre a África e outros continentes.