Fórum Africano de investimentos 2018 acontece na África do Sul

Começa hoje, dia 7, na cidade de Joanesburgo, Africa do Sul, o Fórum Africano de Investimentos (AIF) 2018. O evento tem como objectivo financiar projectos do sector privado nos países africanos, com o valor mínimo de USD 500 milhões e taxas de juros atractivos.

Trata-se de uma plataforma com mais de mil investidores estrangeiros, instituições financeiras, agências de desenvolvimento, fundos soberanos, e de pensões para fazer parcerias e financiar projectos do sector privado nos países africanos. De acordo com a técnica do Ministério da Economia, Luísa Pedro, durante o evento, o ministro da Economia, Pedro Luís da Fonseca, vai assinar o memorando sobre o Compacto Lusófono, uma iniciativa que tem como objectivo a mobilização de financiamentos para a acelerar o crescimento inclusivo, sustentável e diversificado no sector privado nos Países Africanos de Língua Oficial Portuguesa (PALOPS) Segundo ela, a iniciativa prevê a realização de investimentos nos sectores prioritários dos países membros nomeadamente, agronegócios, turismo, banca, tecnologias de informações, pescas, energia, com realce para o sector das energias renováveis, em conexão com a linha do Programa de Apoio a Produção e Substituição de Importações (PRODESI) “

A participação de Angola no referido fórum enquadra-se no âmbito PRODESI e o Programa de Accão PND 2018/2022, em particular a componente de promoção e captação de recursos financeiros para o sector privado nacional”, referiu. Angola está representada pelos ministros de Estado para o Desenvolvimento Economico Social, Manuel Nunes, Júnior, Economia, Pedro Luís da Fonseca, e o Secretário de Estado para as Relações Exteriores e funcionários dos ministérios da Economia e Planeamento e as Finanças.