Xangongo conta com central híbrida com capacidade de cinco megawatts

A vila de Xangongo, província do Cunene, sede do município de Ombadja, foi reforçada com a inauguração, neste Domingo, da central híbrida com capacidade de cinco megawatts.

Inaugurada pelo ministro de Estado do Desenvolvimento Económico e Social, Manuel Nunes Júnior, a central híbrida é uma combinação de energia solar e térmica, composta por seis mil e 156 placas solares que geram energia continua convertida em dois megawatts e quatro geradores que produzem outros três, perfazendo o total de cinco megawatts de capacidade instalada.

Essa central vem reforçar a capacidade de produção no município, que conta com um grupo gerador que produz três megawatts. Com o aumento da capacidade de produção, mais de 12 mil consumidores da vila do Xangongo e arredores vão beneficiar de energia, sendo que a rede de distribuição será alargada para as comunas do Humbe e povoação do Chiulo. Para construção da central híbrida, foram investidos 19 milhões e 600 mil dólares norte-americanos. As obras duraram mais de um ano.

Na ocasião, o governador do Cunene, Vigílio Tyova, enalteceu a inauguração do empreendimento que vai apoiar no processo produtivo na província. A capacidade instalada ultrapassa de longe a demanda, uma vez que um megawatts é suficiente para doze mil consumidores, pelo que apelou aos investidores do ramo agrícola a aproveitar a disponibilidade energética existente. Por seu torno, o ministro da