A mostra inaugurada a 9 do mês em curso, na Galeria Banco Económico, com o sugestivo título “A Representação da Figura Humana na Arte em Angola” entra hoje no seu oitavo dia e despertando um crescente interesse junto ao grande público amante das artes plásticas, nomeadamente estudantes, turistas, principiantes das artes e curiosos, segundo a curadora Sónia Ribeiro.

Cerca de 300 pessoas, entre estudantes, turistas, principiantes das artes e outros, visitaram a colecção composta por mais de 90 obras, entre pintura, escultura, instalação, fotografia, serigrafia e videoarte, uma secção que convida o público a interagir com o material, dedicado a outros meios de expressão como a banda desenhada, a Street Art, reproduções de pinturas e postais a partir de 1850 e com foco incidente nos anos de 50 a 70, cedidos pelo Arquivo Nacional de Angola e o Ministério da Cultura.

A exposição preparada por quatro curadores, designamente, Sónia Ribeiro, Jorge Gumbe, Danilo Fortunato e Benjamim Sabby, é um trabalho de coordenação, pesquisa e produção essencialmente elaborado durante 5 meses pela equipa da This is Not a White OPAÍS Cube.

A colecção demonstra como vivem e dialogam as várias representações da figura humana, desde as mais tradicionais até às resultantes das novas tecnologias. Segundo a curadora Sónia Ribeiro, o conceito desta colecção foi desenvolvido ao longo do tempo, tendo em conta a sua experiência colectiva no campo das exposições de arte enquanto curadores e produtores.

Mais informação encontre no jornal impresso já nas bancas!

 

Comentários

comentários