O Ministro do Interior, Ângelo de Barros da Veiga, confere hoje posse aos novos comandantes provinciais da Polícia Nacional.

Segundo uma nota a que OPAÍS teve acesso, o Presidente da Republica Decretou alterações nos comandos das forças policiais e as tomadas de posse serão realizadas hoje, Segunda- feira, nas instalações do Ministério do Interior. O comissário Simão Tomas Queta é hoje empossado no cargo de comandante da Polícia de Intervenção Rápida da Polícia Nacional; o comissário Alfredo Quintino Lourenço assume o cargo de delegado provincial do Ministério do Interior na província da Lunda Norte e, cumulativamente, o de comandante provincial Polícia Nacional. Do Huambo é o transferido o comissário Elias Dumbo Livulo, que vai exercer as mesmas funções na província de Benguela, como delegado provincial do Ministério do Interior e comandante provincial Polícia Nacional. O ministro Ângelo da Veiga também empossa o comissário Gil Famoso Sebastião da Silva nos cargos de delegado provincial do Ministério do Interior,e de comandante da Polícia na Nacional na província do Humabo.

O comissário Maurício Francisco Alexandre passa a Conselheiro do Comandante Geral da Polícia Nacional; o comissário Francisco Massata passa igualmente a conselheiro do Comandante Geral da Polícia Nacional, enquanto o comissário Luís da Fonseca Cadete passa a ser o director do Instituto Superior de Ciências Policiais da Polícia Nacional. Igualmente, são empossados o comissário Inocêncio Felizardo da Cruz Morais de Brito no cargo de director do Gabinete Jurídico da Polícia Nacional, o comissário Alberto Sebastião Mendes, no cargo de delegado provincial do Ministério do Interior, na província do Namibe e também acumula com o cargo de comandante provincial da Polícia Nacional. O comissário José Domingos Moniz é empossado como director do Gabinete Nacional de Recursos Humanos da Polícia Nacional; o comissário Tito Munana vai como delegado Provincial do Ministério do Interior e comandante da Polícia na província do Cunene, e o comissario José Martinez António é empossado como comandante da Unidade de Protecção de individualidades Protocolares da Polícia Nacional.

Ângelo de Barros da Veiga, vai empossar o Comissário João Baptista Martins Ginga Almeida no cargo de comandante da Unidade de Protecção de Objectivos Estratégicos da Polícia Nacional, o Comissário António Miranda Guedes no cargo de conselheiro do Comandante Geral da Polícia Nacional, o Comissário Victor Inaculo como Conselheiro do Comandante Geral da Polícia Nacional, a comissária Maria Manuela Filomena Alberto Jorge como de conselheira do Comandante Geral da Polícia Nacional. Serão ainda empossados o Comissário Francisco António para o cargo de Conselheiro do Comandante Geral da Polícia Nacional, o sub-comissário António Luís Muatchissengue para o cargo de Conselheiro do comandante Geral da Polícia Nacional, o sub-comissário Emídio Albino Francisco Dias para o cargo de conselheiro do Comandante Geral da Policia Nacional, o sub-comissário Luís Mendonça de Sousa para o cargo de director nacional de Registos e Informação da Polícia Nacional.

A nota refere ainda que serão empossados, o sub-comissário Luís Apolinário António Domingos, no cargo de conselheiro do Comandante Geral da Polícia Nacional, o sub-comissário Domingos da Silva no de conselheiro do Comandante Geral da Policia Nacional, o sub-comissário Estâncio Luciano André Nginge no de director do Centro Regional Norte da Polícia Nacional, o sub-comissário António Francisco da Conceição Gomes como director nacional de Viação e Trânsito da Polícia Nacional, o sub-comissário Manuel Fernandes António, director da Escola de Protecção e Intervenção da Polícia Nacional. O titular da pasta vai empossar também o sub-comissário Orlando Mendes Alves como director do Centro Polivalente Nzoji da Polícia Nacional, o subcomissário Manuel Gregório de Sousa como director do Centro de Formação do Zaire da Polícia Nacional, o sub-comissário Pedro Kiami como 2º comandante da província do Zaire da Polícia Nacional, o sub-comissário Lourenço Guilherme Teixeira ao cargo de director-adjunto da Escola Nacional de Ordem Pública da Policia Nacional, o sub-comissário Patrício Francisco Itula para o cargo de director-adjunto da Escola de Protecção e Intervenção da Polícia Nacional e o sub-comissário Júlio Vunge para o cargo de 2º comandante da Polícia Fiscal da Polícia Nacional.

Comentários

comentários