A formação tricolor, fruto da vitória frente ao ASA, ocupa a terceira posição no Girabola Zap. Isto acaba por pressionar o 1º de Agosto e o Kabuscorp do Palanca na tabela classificativa.

O Petro de Luanda venceu ontem, no prosseguimento da quinta jornada do Girabola Zap, o Atlético Sport Aviação (ASA) por duas bolas a zero, no Estádio 11 de Novembro. Com esta vitória, os tricolores ocupam a terceira posição com 12 pontos, os mesmos que o Kabuscorp do Palanca.

Assim, a formação do Catetão pressiona a equipa da Rua F, bem como o 1º de Agosto, seu arqui-rival de longa data, o qual ocupa a primeira posição com treze pontos provisoriamente. Por este facto, a tarefa da equipa daRua F será a dobrar, porque se escorregar e não vencer na jornada seguinte será ultrapassado pela formação militar ou tricolor. O triunfo frente ao ASA garante mais confiança ao conjunto liderado por Beto Bianchi, pois o obectivo é atacar o primeiro lugar.

O avançado Thiago Azulão, Job e Carlinhos tiveram uma exibição regular, pelo que colocaram o adversário no seu reduto defensivo. Os aviadores não tiveram argumentos para contrapor a vontade dos petrolíferos, sobretudo na etapa complementar. Thiago Azulão, com a sua veia golaeadora e Manguxi, marcaram pela formação triclor, garantindo mais confiança aos adeptos. O atacante de nacionalidade continua a justificar a sua titularidade, porém está preparado para ajudar a sua equipa a conquistar o título, apesar de que faltem muitas jornadas para cair o pano sobre o Girabola Zap.

Mais informação encontre no jornal impresso já nas bancas!

Comentários

comentários