Agentes Culturais divergem em relação ao “isolamento” entre o Ministério da Cultura e da Educação

Agentes Culturais divergem em relação ao “isolamento” entre o Ministério da Cultura e da Educação

Face à actual queda do preço do petróleo e o impacto da pandemia da Covid-19, em Angola, o aparelho do Executivo sofreu uma redução de 28 para 21 ministérios, resultante de algumas fusões. Apesar da reestruturação, o Ministério . . .


Registe-se como Assinante ou inicie sessão para continuar a ler este artigo.
Entrar - Criar Conta